Um lugar no mundo entre o visível e o invisível: o ato fotográfico como proposta de ensino para o despertar de uma consciência ético-estética do lugar

Autores

  • André Camargo Lopes Universidade Estadual Paulista Rede Estadual de Ensino Básico do Estado do Paraná

DOI:

https://doi.org/10.5965/1984317815022019046

Palavras-chave:

Fotografia, Ensino, Identidade, Espaço,

Resumo

Um dos desafios de se ensinar é fazer que aquilo que se ensina dialogue com as subjetividades daqueles que aprendem neste processo. Tornando assim a prática pedagógica algo significativo. O texto corresponde a um relato de experiências educacionais no ensino de Arte desenvolvidas em uma escola pública da rede de ensino do estado do Paraná, na periferia do município de Londrina. Pretende-se debater o processo e os resultados obtidos com alunos do nono ano do ensino fundamental e primeiro e segundo ano do ensino médio. Sendo assim, o texto se volta para os desdobramentos da construção de uma reflexão significativa no processo educacional pautada no desenvolvimento da consciência ético-estética no conjunto de alunos. Como relato de experiência de ensino, o texto se pauta em reflexões e argumentações teóricas e processuais desta ação que resultou na produção de inúmeras imagens fotográficas, assim como centenas de relatos reflexivos de pós-produção apontando as pequenas descobertas críticas do cotidiano. E são nestas descobertas que surgiu no grupo de alunos colocações sobre onde estão inseridos, o espaço naquele momento assumia a condição de lugar.


Biografia do Autor

André Camargo Lopes, Universidade Estadual Paulista Rede Estadual de Ensino Básico do Estado do Paraná

Doutor em História e Sociedade pela UNESP - Assis, com Mestrado em História Social pela Universidade Estadual de Londrina (2009), especialização em Ensino de Sociologia (2007) e Graduado em Educação Artística pela mesma instituição. É professor da Rede Estadual de Ensino Básico do Estado do Paraná. Leciona a Disciplina de Arte há quinze anos no Colégio Estadual Professora Roseli Piotto Roehrig. Como artista visual, atua como fotógrafo, e é criador do Coletivo artístico-educacional Piottão, potencializando suas experiências nas áreas de fotografia, vídeo e expressão tridimensional. Como pesquisador trabalha na área de estudos culturais e cultura visual. Suas pesquisas abordam os seguintes temas: religiosidade popular, fotografia e iconografia vernacular, arte e ensino de arte. Tem artigos publicados nas áreas de Sociologia, Educação e História, áreas que dedica os maiores esforços de suas reflexões e pesquisas.

Referências

ARANHA, Carmen S. G. Exercícios do Olhar. 1ª ed. São Paulo: Unesp; Rio de Janeiro: FUNARTE, 2008.

DUBOIS, Philippe. O ato fotográfico. Campinas, Papirus Editora, 2009.

BERGER, Peter & LUCKMANN, Thomas. A Construção Social da Realidade. Petrópolis, Vozes, 1985.

CANTON, Kátia. Espaço e Lugar– temas da Arte Contemporânea. São Paulo, Martins Fontes, 2009.

FERRAZ, Maria Heloisa C. de T. e FUSARI, Maria F. de Rezende. Arte na Educação Escolar. São Paulo, Cortez Editora, 2010.

JOLY, Martine. Introdução à análise da imagem. Campinas, Papirus Editora, 2008.

PARANÁ. Secretaria de Estado da Educação do. Diretrizes Curriculares de Arte para a Educação Básica. Departamento de Educação Básica. Curitiba, 2008.

SONTAG, Susan. Sobre fotografia. 5ª ed. São Paulo, Cia das Letras, 2004.

Downloads

Publicado

2020-04-01