Narrativas de vestir: Moda e Intermidialidade em O conto da aia, de Margaret Atwood

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5965/1982615x17422024e0004

Palavras-chave:

literatura e moda, intermidialidade, O conto da aia

Resumo

Neste texto, apresenta-se a união das mídias literária e de moda na construção de significados sociais, partindo da obra O conto da aia (ATWOOD, 2017) adaptada para um desfile de moda pela marca Vaquera, atrelada à série homônima ao livro. Objetiva-se avaliar as relações intermidiáticas entre a construção narrativa e as roupas da passarela, associando a criticidade da obra literária à adaptação costurada em moldes e tecidos. Recorre-se à Calanca (2011), Clüver (2012), Chevalier e Gheerbrandt (2001), Heller (2013), Moser (2006), Rajewsky (2005), entre outros: a intermídia propulsiona as relações entre moda e literatura como constructos de sentidos sociais. Analisando elementos verbo-visuais das vestimentas – da literatura ao desfile, contemplados na série –, observa-se que os trajes do desfile (re)constroem a crítica narrativa de Atwood, transpondo à indumentária cores, tecidos e modelagens que discutem conceitos historicamente produzidos acerca dos gêneros e seus papéis sociais, problematizando o silenciamento imposto às mulheres desde a narrativa literária.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Leticia Barros Soares, Universidade Estadual do Oeste do Paraná

Mestranda em Letras pela Unioeste, graduada em Tecnologia em Design de Moda pela Unicesumar, possui curso em Filmmaking pela New York Film Academy - Australia (2018) e graduação em Comunicação Social - Jornalismo, pelo Centro Universitário Assis Gurgacz (2016).

Lidiane Cossetin Alves, Universidade Estadual do Oeste do Paraná

Doutoranda em Letras (UNIOESTE); Mestre em Letras (UNIOESTE/2021) - Linguagem e Sociedade; e Graduada em Letras - Português/Espanhol (UNIOESTE/2018). É especialista em Mídias Digitais para a Educação (UFMT/2022) e em Metodologia do Ensino de Língua Portuguesa e Estrangeira (UNINTER/2020). Graduanda em Licenciatura em Artes Visuais (UNINTER). É professora colaboradora da área de Língua Portuguesa e Língua Espanhola do Instituto Federal do Paraná (IFPR/2021), campus Capanema. É membro dos grupos de pesquisas "Confluências da Ficção, História e Memória na Literatura e nas Diversas Linguagens" (UNIOESTE/2019) e "Crítica feminista e Autoria feminina: cultura, memória e identidade" (UFGD/2021). Seus estudos voltam-se às Literaturas, Artes, Culturas e Sociedades Latino-americanas, tal como suas Línguas, Linguagens e Expressividades. Com mesmo afinco, estuda e dedica-se enfaticamente como Artista Visual desde 2005 e Escritora desde 2018.

Acir Dias da Silva, Universidade Estadual do Oeste do Paraná

Possui Pós Doutorado com pesquisa em memória e documentário (2011) - UNICAMP, doutorado em Educação, Conhecimento, Linguagem e artes pela UNICAMP com doutorado sanduiche pela Università Ca' Foscari - (2003), Mestrado em Educação, Conhecimento, Linguagem e artes pela UNICAMP (1999). Atualmente é professor Associado da Universidade Estadual do Oeste do Paraná, UNIOESTE. Na Faculdade de Artes do Paraná atuou como coordenador do curso de cinema e vídeo (2012/2014). Também tem experiência em coordenação dos cursos de comunicação social ? Jornalismo e publicidade. É professor efetivo no programa de pós-graduação Linguagem e Sociedade desde 2005 com orientações no mestrado, doutorado e pós-doutorado. Possui experiência na área de literatura comparada, Cultura Linguagem e Arte, Cinema e Critica contemporânea, Educação com ênfase em Comunicação, atuando principalmente nos seguintes temas: arte, cinema, literatura, interfaces, cinema, estudos comparados e cultura. É editor científico da revista eletrônica Travessias e faz parte do conselho editorial da revistas Línguas e Letras(UNIOESTE), LL Journal - Língua e Literatura (Nova York), Revista científica da Fap e do conselho editorial da Editora - URI Câmpus de Frederico Westphalen - RS. Consultor científico e parecerista da Fundação Araucária Pr, FAPEMIG MG, Editora da Unicamp e outras. Idealizador e atual coordenador da Tv Imago Unioeste e coordena vários projetos de pesquisas e extensão universitária.Tem publicado vários livros e artigos científicos .

Referências

ATWOOD, M. O conto da aia. Rio de Janeiro: Rocco, [1985] 2017.

CALANCA, D. História social da moda. 2. ed. São Paulo: Senac, 2011.

CHEVALIER, J.; GHEERBRANT, A. Dicionário de símbolos: mitos, sonhos, costumes, gestos, formas, figuras, cores, números. 16. ed. Rio de Janeiro: José Olympio, 2001.

CLÜVER, C. Intermidialidade. Pós – Revista do Programa de Pós-graduação em Artes da EBA/UFMG, v. 1, n. 2, p. 8-23, 2012.

ROCCO. O conto da aia. Disponível em: https://www.rocco.com.br/livro/o-conto-da-aia. Acesso em: 15 ago. 2023.

FERNANDÉZ, L. Margaret Atwood: “As utopias voltarão porque precisamos imaginar como salvar o mundo”. El País, Barcelona, 29 maio 2021. Disponível em: https://brasil.elpais.com/cultura/2021-05-29/margaret-atwood-as-utopias-voltarao-porque-precisamos-imaginar-como-salvar-o-mundo.html%3foutputType=amp. Acesso em: 15 ago. 2023.

FERREIRA, R. F. S. Do papel para o ecrã: o processo de transposição The Handmaid´s Tale para a série. 2019. Dissertação (Mestrado em Ciências de Comunicação) – Universidade Fernando Pessoa, Porto, Portugal, 2019.

GAUDREAULT, A.; MARION, P. Transescritura e midiática narrativa: questões de intermidialidade. In: DINIZ, T. F. N. (Org.). Intermidialidade e estudos interartes: desafios da arte contemporânea. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2012, p. 107-128.

GHIRARDI, A. L. R.; RAJEWSKY, I; DINIZ, T. F. N. Intermidialidade e referências intermidiáticas: uma introdução. Letras Raras, Campina Grande, v. 9, n. 3, p. 11-23, 2020.

HELLER, E. A psicologia das cores: como as cores afetam a emoção e a razão. São Paulo: Gustavo Gili, 2013.

MANOVICH, L. The language of new media. Cambrige: MIT, 2001.

MOSER, W. As relações entre as artes: por uma arqueologia da intermidialidade. Aletria – Revista de Estudos de Literatura, Belo Horizonte, v. 14, n. 2, p. 42-65, 2006.

NEWBOLD, A. The Handmaid’s Tale costume designer on dressing Margaret Atwood’s dystopia. British Vogue, [S.l.], 16 jul. 2017.

Disponível em: https://www.vogue.co.uk/gallery/handmaids-tale-costume-designer-ane-crabtree. Acesso em: 15 ago. 2023.

O CONTO da aia (temporada 1). [Seriado]. Direção: Mike Barker, Kari Skogland, Reed Morano, Kate Dennis, Floria Sigsmondi. Canadá: Hulu, 2017.

RAJEWSKY, I. Intermediality, intertextuality, and remediation: a literary perspective on intermediality, 2005.

ROCCO. Sinopse. In: ATWOOD, M. O conto da aia. Rio de Janeiro: Rocco, 2017, s/p.

SALLES, V. M. M. Moda como mídia no contexto contemporâneo: o uso das novas tecnologias na produção de indumentária. Mediações Culturais: Arte, Design e Comunicação, Belo Horizonte, v. 17, n. 15, p. 143-156, 2015.

SALOMON, G. T. Moda e literatura: reflexões sobre o estado da arte. Revista dObra[s], São Paulo, v. 13, n. 28, p. 163-187, 2020.

SAMOYAULT, T. A intertextualidade. São Paulo: Aderaldo & Rotschild, 2008.

SILVER, J. Vaquera go dystopian for Handmaid’s Tale-inspired collection. Dazed Digital, London, 9 jun. 2017. Disponível em: https://www.dazeddigital.com/fashion/article/36278/1/vaquera-go-dystopian-for-handmaids-tale-inspired-collection. Acesso em: 15 ago. 2023.

SUBAIR, Eni. Introducing Vaquera: The Buzzy New York Brand Making Riotous Clothing. Elle, 1 fev. 23. Disponível em: https://www.elle.com/uk/fashion/a42710910/introducing-vaquera/. Acesso em: 15 ago. 2023.

VAQUERA. About Vaquera. [Site], 2023. Disponível em: https://www.vaquera.nyc/. Acesso em: 15 ago. 2023.

VAQUERA. The Handmaid’s Tale collection. 2017. Vaquera. Disponível em: https://www.vaquera.nyc/pages/the-handmaids-tale. Acesso em: 15 ago. 2023.

VINEYARD, J. Margaret Atwood annotates season 1 of ‘The Handmaid’s Tale’. The New York Times, New York, 14 jun. 2017. Disponível em: https://www.nytimes.com/2017/06/14/watching/the-handmaids-tale-tv-finale-margaret-atwood.html. Acesso em: 15 ago. 2023.

Publicado

2024-03-04

Como Citar

BARROS SOARES, Leticia; COSSETIN ALVES, Lidiane; DIAS DA SILVA, Acir. Narrativas de vestir: Moda e Intermidialidade em O conto da aia, de Margaret Atwood. Modapalavra e-periódico, Florianópolis, v. 17, n. 42, p. 1–30, 2024. DOI: 10.5965/1982615x17422024e0004. Disponível em: https://periodicos.udesc.br/index.php/modapalavra/article/view/23531. Acesso em: 19 abr. 2024.

Edição

Seção

Variata