Experiência, criação e contemporaneidade: partilhas sobre ensinar e aprender arte

Autores

  • Daniele Alves Universidade do Estado do Rio de Janeiro

DOI:

https://doi.org/10.5965/24471267722021209

Palavras-chave:

Experiência, Criação, Arte, Educação

Resumo

A proposta deste estudo é refletir sobre a dimensão da experiência em arte, da arte e com arte a partir de seu contexto relacional de construção de conhecimento. Tal caminho pode ser potente na afetação dos sentidos para significativas experiências de formação no processo de ensinar e aprender arte. A investigação teve como foco experiências no campo da arte onde foi possível identificar atravessamentos com a educação. Processos de criação de artistas como Joseph Beuys, Marcel Duchamp, Bazon Brock, Helio Oiticica, Lygia Clark, Pablo Helgueira e Ricardo Basbaum revelam modos de assumir a arte no qual a dimensão da educação se presentifica seja na ação e/ou no pensamento, ainda que de maneiras muito particulares. Neste contexto problematiza-se o papel do público, discutindo seu lugar de percepção, observação e participação nas obras. John Dewey (2010) é tomado como referência no entendimento sobre o conceito de arte como experiência, e debates sobre processos de criação em arte e em educação são desenvolvidos a partir de autores como Cecília Almeida Salles (1998) em outras interlocuções com a contemporaneidade. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Daniele Alves, Universidade do Estado do Rio de Janeiro

Educadora e artista. Professora adjunta da Faculdade de Educação da UFMG. Doutora em Arte e Cultura Contemporânea (UERJ - RJ). Integrante do Coletivo Feminino de Arte: O Círculo de Mulheres da Arte da Terra.

Referências

Referências

AUTORIA. Formações (C)A/R/Tográficas: experiência em processo na arte, na educação e na pesquisa para a formação de professores artistas. 2019. 293 f. Tese (Doutorado em Artes) – Instituto de Artes, Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2019.

BASBAUM, Ricardo. Manual do artista e etc. Rio de Janeiro: Ed. Beco do Azougue, 2013.

BEUYS, Joseph. Joseph Beuys in America: energy plan for the western man. New York: Four Walls Eight Windows, 1990.

CARNEIRO, Beatriz Helena Scigliano. Relâmpagos com claror: a construção da vida como obra de arte em Lygia Clark e Hélio Oiticica. Tese (Doutorado em Ciências Sociais) – Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2001, 320 f.

CAUQUELIN, Anne. Arte contemporânea: uma introdução. São Paulo: Martins, 2005.

CLARK, Lygia. Nós somos os propositores: livro-obra. Rio de Janeiro: Associação Cultural "O Mundo de Lygia Clark", 1968. Disponível em: http://www.lygiaclark.org.br/arquivo_detPT.asp?idarquivo= 25. Acesso em: nov. 2017.

DEWEY, John. A arte como experiência. São Paulo: Martins Fontes, 2010.

DUCHAMP, Marcel. O ato criador. In: BATTCOCK, Gregory. A nova arte. 2. ed. São Paulo: Perspectiva, 1986. p. 71-74. (Debates, 73)

DURINI, Lucrezia De Domizio. The Felt Hat A Life Told. Milão: Charta, 1997.

FERREIRA, Glória; COTRIM, Cecilia. Escritos de artistas: anos 60/70. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Editora, 2006.

HELGUERA, Pablo; HOFF, Monica (org.). Pedagogia no campo expandido. Porto Alegre: Fundação Bienal de Artes Visuais do Mercosul, 2011.

LIPPARD, Lucy. Seis años: La desmaterialización del objeto artístico de 1966 a 1972. Madrid: Ediciones Akal S.A., 2004.

NOGUEIRA. Isabel. Os 40 anos da Documenta 5 (1972): reflexo e reflexões sobre a arte portuguesa dos anos 70. Revista Intellectus: v. 12, n. 1. UERJ, 2013. Disponível em: https://www.e-publicacoes.uerj.br/index.php/intellectus/article/view/27545/19738

OITICICA, Hélio. A transição da cor do quadro para o espaço e o sentido de construtividade. In: FERREIRA, Glória; COTRIM, Cecilia. Escritos de artistas: anos 60/70. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Editora, 2006.

SALLES, Cecília Almeida. Gesto inacabado: processo de criação artística. São Paulo. FAPESP. 1998.

Salgado. Maria Célia Santos. Ser ou não ser? Malevitch, Duchamp, Warhol e Beuys. Monografia de Especialização em História da Arte e da Arquitetura no Brasil, PUC/R.J., Rio de Janeiro, 1997.

SHARP, Willoughby. An Interview with Joseph Beuys. [S.l: s.n.] 1974

Downloads

Publicado

2021-10-31

Como Citar

ALVES, D. Experiência, criação e contemporaneidade: partilhas sobre ensinar e aprender arte. Revista Apotheke, Florianópolis, v. 7, n. 2, 2021. DOI: 10.5965/24471267722021209. Disponível em: https://periodicos.udesc.br/index.php/apotheke/article/view/20631. Acesso em: 9 ago. 2022.