Efeito do soro de cães portadores de insuficiência renal sobre a apoptose e o metabolismo oxidativo dos polimorfonucleares

Autores

  • Tatiane de Sousa Barbosa
  • Carolina Kimie Mori
  • Paulo César Ciarlini

Palavras-chave:

Explosão respiratória, Morte celular programada, Leucócitos, Superóxido.

Resumo

Nos últimos anos, as toxinas urêmicas têm sido amplamente investigadas como elemento imunossupressor em pacientes nefropatas. Este trabalho objetivou testar a hipótese de que, à semelhança do que ocorre em humanos, a taxa de apoptose e a produção de superóxido em leucócitos polimorfonucleares de cães tratados com soro urêmico se alteram. Foi comparada a produção de superóxido e o índice apoptótico de leucócitos polimorfonucleares de 10 cães sadios incubados com o soro autólogo e homólogo de indivíduos sadios e urêmicos. Com isso, verificou-se efeito parcial de inibição do metabolismo oxidativo na uremia sem correlação com a aceleração da apoptose dos leucócitos polimorfonucleares de cães.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2015-02-11

Como Citar

BARBOSA, Tatiane de Sousa; MORI, Carolina Kimie; CIARLINI, Paulo César. Efeito do soro de cães portadores de insuficiência renal sobre a apoptose e o metabolismo oxidativo dos polimorfonucleares. Revista de Ciências Agroveterinárias, Lages, v. 13, n. 3, p. 302–309, 2015. Disponível em: https://periodicos.udesc.br/index.php/agroveterinaria/article/view/5702. Acesso em: 17 abr. 2024.

Edição

Seção

Artigo Completo - Ciência de Animais e Produtos Derivados

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)