Efeito de diferentes ambientes climáticos sobre características fisiológicas de bezerros mestiços (Holandês X Gir)

Johnny Iglesias Mendes Araujo, André Campêlo Araujo, Hudson Taylor Moreira Rodrigues, Lianny Gomes Oliveira, Cicero Pereira Barros Junior, Wéverton José Lima Fonseca, Carlos Syllas Monteiro Luz, Severino Cavalcante de Souza Júnior

Resumo


Objetivou-se neste trabalho verificar a adaptabilidade de bezerros mestiços (Holandês x Gir) criados a campo e nas instalações, em Bom Jesus, PI. Foram utilizados seis bezerros mestiços (Holandês x Gir) distribuídos em dois tratamentos: T1= Campo e T2= Instalações, com três animais em cada um, e mensurou-se 32 medidas repetidas no tempo, totalizando 192 observações (6 animais x 32 repetições por animal) durante o período experimental. Nos animais foram registradas as características fisiológicas como: a frequência respiratória (FR), frequência cardíaca (FC), temperatura retal (TR) e a taxa de sudação (TS). As variáveis meteorológicas foram: Temperatura do Ar (TA), Umidade Relativa do Ar (UR), Índice de Temperatura de Globo e Umidade (ITGU1 e ITGU2), onde ITGU1 estava dentro das instalações e o ITGU2 no campo aberto. Todas as variáveis meteorológicas apresentaram diferença significativa (p<0,05) entre os turnos (manhã e tarde). Verificou-se que TR e TS não apresentaram diferença significativa (p>0,05). A FR foi maior (p<0,05) para T1, apresentando média de 55,88 mov/min. Houve diferença significativa (p<0,05) entre os tratamentos para a FC, com médias de 92,19 e 86,25 bat/min. para os T1 e T2, respectivamente. De acordo com os resultados obtidos pode-se afirmar que as instalações para bezerros influenciaram positivamente no desempenho da perda de calor, conferindo valores mais próximos da zona de conforto.

Palavras-chave


Adaptação, ambiência, bovinocultura.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5965/223811711532016259

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


______________________________________________________________________________________________________________________________

Revista de Ciências Agroveterinárias (Rev. Ciênc. Agrovet.), Lages, SC, Brasil        ISSN 2238-1171