Entre a metrópole e a colônia: dramaturgia e cena teatral no Brasil (1711-1822)

Autores

  • Evelyn Furquim Werneck Lima UNIRIO

DOI:

https://doi.org/10.5965/1414573101082006073

Resumo

Na segunda metade do século XVIII, o progresso econômico e as exigências das instituições civis e religiosas que, pouco a pouco foram sendo criadas no Brasil à luz da metrópole, induziram a uma intensa produção cultural de bens arquiteturais, pictóricos, escultóricos e literários que apresentam a influência das Luzes.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Evelyn Furquim Werneck Lima, UNIRIO

Profa adjunta do Departamento de Teoria do Teatro e do Programa de Pós-Graduação em Teatro da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - Unirio. Pesquisadora da CAPES em estágio pós-doutoral (Paris X- Nanterre), Membro do Conselho Municipal de Proteção do Patrimônio Cultural do Rio de Janeiro. Autora entre outros, do livro Arquitetura do Espetáculo (2000).Desenvolve pesquisa sobre o Espaço Teatral. Pesquisadora do CNPq.

Downloads

Publicado

2018-09-10

Como Citar

LIMA, E. F. W. Entre a metrópole e a colônia: dramaturgia e cena teatral no Brasil (1711-1822). Urdimento - Revista de Estudos em Artes Cênicas, Florianópolis, v. 1, n. 8, p. 073-090, 2018. DOI: 10.5965/1414573101082006073. Disponível em: https://periodicos.udesc.br/index.php/urdimento/article/view/1414573101082006073. Acesso em: 1 out. 2022.

Edição

Seção

Fluxo Continuo