Entre Corpo, Dança e Figurino

Autores

Resumo

Este artigo propõe investigar algumas das relações entre corpo, movimento, dança e figurino, sob a ótica do corpo como invólucro da alma, apresentando algumas reflexões que o cercam na filosofia e no movimento da dança. Será destacada a participação dos figurinos na dança e sua relação com a visualidade, ergonomia, materiais, volumes e espaço, dando ênfase conjuntamente a luz refletida na cena. Encontram-se também relacionados aos elementos pesquisados, algumas representações dos corpos nas danças clássicas, modernas e contemporâneas, caracterizados por seus devidos figurinos.

Biografia do Autor

Adriana Martinez Montanheiro , Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC)

Doutoranda em Teatro- PPGT-Udesc. Mestre em Teatro- PPGT- UDESC. Possui especialização em Moda: Criação e Produção de Moda (2004) pela Universidade do Estado de Santa Catarina. Graduada em Licenciatura em Educação Artística pela Universidade do Estado de Santa Catarina (1995). Atualmente é professora efetiva da Universidade do Estado de Santa Catarina. Tem experiência nas áreas de Moda, Artes Plásticas, Teatro, com ênfase em desenho,ilustração de moda, pintura, desenvolvimento de coleções de moda e figurinos teatrais, atuando principalmente nos seguintes temas: moda, desenho, criação, pintura e figurino. Coordenadora do Programa de Extensão MODARTE da UDESC. Atua na área de Artes Plásticas na categoria pintura com inúmeras galerias de arte

Referências

BADIOU, Alain. Pequeno Manual de Inestética. São Paulo: Estação Liberdade, 2002.

COSTA, Francisco. A. O Figurino como elemento essencial da narrativa. Sessões do Imaginário. Porto Alegre, n. 8, agosto. 2002. Disponível em: http://revistaseletronicas.pucrs.br/ojs/index.php/famecos/article/viewFile/775/8973/. Acesso em: 24 de jul. 2015.

CRUZ, Maria Alice Ximenes. Figurino e Dança: Algumas Intersecções com a Moda. In: VIANA, F.; MUNIZ, R. (Orgs.). Diário de Pesquisadores: Traje de Cena. São Paulo: Estação das Letras e Cores, 2012, p. 27-38.

In: VIANA, F.; BASSI, C. (Orgs.). Traje de cena, traje de folguedo. São Paulo: Estação das Letras e Cores, 2014.

GIL, José. Movimento Total: O corpo e a dança. São Paulo: Iluminuras, 2005.

IIDA, Itiro. Ergonomia: projeto e produção. São Paulo: Edgard Blücher, 2005.

JEUDY, Henri-Pierre. O corpo como objeto de arte. São Paulo: Estação Liberdade, 2002.

LEITE, Fernanda. H. C. Contato improvisação um diálogo em dança. Movimento. Porto Alegre, n. 2, 2005. v.11. Disponível em: http://seer.ufrgs.br/index.php/Movimento/article/viewArticle/2870/. Acesso em: 24 de julho de 2013.

LEPECKI, André. Agotar La danza. Performance y política del movimento. Espagna: CDL/ Universidad de Alcalá, 2009.

LOUPPE, Laurence. Poética da Dança Contemporânea. Lisboa: Orfeu Negro, 2012.

MENDES, Francisca Dantas. A Dança do Corpo Vestido: Uma forma de expressão e comunicação. In: VIANA, F.; MUNIZ, R. (Org.). Diário de Pesquisadores: Traje de Cena. São Paulo: Estação das Letras e Cores, 2012, p. 39-49.

PAVIS, Patrice. A Análise dos Espetáculos. São Paulo: Perspectiva, 2003.

PEIXOTO Junior, Carlos Augusto. Singularidade e Subjetivação. Ensaios sobre Clínica e Cultura. Rio de Janeiro: 7 LetrasPuc - Rio, 2008.

PONTY, Maurice Merleau. Fenomenologia da Percepção. São Paulo: Martins Pontes, 1999.

REALE, Giovanni. Corpo, Alma e Saúde: O Conceito de Homem de Homero a Platão. São Paulo: Paulus, 2002.

RIBEIRO, Almir. Depois de Isadora Duncan nunca houve tanto mar. São Paulo: Giostri Editora, 2019.

SILVA, Amabilis de Jesus. Para evitar o “costume”: figurino-dramaturgia. 2005. Dissertação (Mestrado em Teatro) - Universidade do Estado de Santa Catarina-UDESC, Florianópolis, 2015.

Downloads

Publicado

2021-07-30

Como Citar

MONTANHEIRO , A. M. . . Entre Corpo, Dança e Figurino. A Luz em Cena: Revista de Pedagogias e Poéticas Cenográficas, Florianópolis, v. 1, n. 01, p. 1-16, 2021. Disponível em: https://periodicos.udesc.br/index.php/aluzemcena/article/view/19936. Acesso em: 30 nov. 2021.

Edição

Seção

Dossiê temático: A luz e as relações cenográficas