É possível envelhecer com segurança praticando exercícios de ultra-resistência?

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5965/19847246242023e0102

Palavras-chave:

envelhecimento, saúde, exercício físico, morte súbita

Resumo

O processo de envelhecimento saudável, sem dúvida, inclui ter um estilo de vida com escolhas e hábitos positivos. Nesse contexto, a prática de exercícios físicos, de forma regular, é essencial. Está bem estabelecido que o exercício físico de intensidade moderada colabora para diminuir as morbidades e perdas de funcionalidades dos diferentes sistemas fisiológicos, bem como diminui o risco de distúrbios ortopédicos e cardiovasculares, associados com o envelhecimento. No entanto, a execução de exercícios físicos de alta intensidade e volume, como os de ultra-resistência aeróbia (IronMan triathlon, maratona, ciclismo de estrada etc.), na presença de doenças cardiovasculares congênitas e/ou adquiridas, pode predispor os praticantes a um risco amentado de morte súbita associada ao exercício físico. Além disso, há divergência na literatura científica se a prática de exercícios de ultra-resistência no curso do processo de envelhecimento é segura ou não para a saúde e pode aumentar ou diminuir a longevidade. Dessa forma, o objetivo do presente artigo de opinião é discutir a literatura atual do assunto na ótica da pergunta “É possível envelhecer com segurança praticando exercícios de ultra-resistência?”, bem como a possível associação desse tipo de exercício físico com casos de morte súbita. Nossa pesquisa aponta que a despeito dos benefícios da prática de exercício físico, o de alta intensidade somado a condições de saúde pré-existentes pode ser o gatilho para eventos de morte súbita.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rodrigo Luiz Vancini, Universidade Federal do Espírito Santo

Doutor em Farmacologia pela Universidade Federal de São Paulo -  UNIFESP. Professor da Universidade Federal do Espírito Santo - UFES.

Cassia Regina Vancini Campanharo, Universidade Federal de São Paulo

Doutora em Medicina Interna e Terapêutica pela Universidade Federal de São Paulo - UNIFESP. Professora da Universidade Federal de São Paulo - UNIFESP.

Marília dos Santos Andrade, Universidade Federal de São Paulo

Doutora em Ciências pela Universidade Federal de São Paulo – UNIFESP. Professora da Universidade Federal de São Paulo – UNIFESP.

Meiry Fernanda Pinto Okuno, Universidade Federal de São Paulo

Doutora em Enfermagem pela Universidade Federal de São Paulo – UNIFESP. Professora da Universidade Federal de São Paulo – UNIFESP.

Claudio Andre Barbosa de Lira, Universidade Federal de Goiás

Doutor em Farmacologia pela Universidade Federal de São Paulo – UNIFESP. Professor da Universidade Federal de Goiás - UFG.

Referências

AAUBERT, G., & LANSDORP, P. M. Telomeres and aging. Physiological Reviews, Rockville, v. 88, n. 2, p. 557–579, 2008. Disponível em: https://Doi.Org/10.1152/Physrev.00026.2007. Acesso em: 07 jul. 2022.

BORGHINI, A.; GIARDINI, G.; TONACCI, A.; MASTORCI, F.; MERCURI, A.; SPOSTA, S. M.; MORETTI, S.; ANDREASSI, M. G.; & PRATALI, L. Chronic and acute effects of endurance training on telomere length. Mutagenesis, Oxford, v. 30, n. 5, p. 711–716, 2015. Disponível em: https://Doi.Org/10.1093/Mutage/Gev038. Acesso em: 08 jul. 2022.

CHODZKO-ZAJKO, W. J.; PROCTOR, D. N.; FIATARONE SINGH, M. A.; MINSON, C. T.; NIGG, C. R.; SALEM, G. J.; SKINNER, J. S. Exercise and physical activity for older adults. Medicine & Science In Sports & Exercise, Indianapolis, v. 41, n. 7, p. 1510-1530, 2009. Disponível em: https://Doi.Org/10.1249/Mss.0b013e3181a0c95c. Acesso em: 08 jul. 2022.

CHUGH, S. S.; WEISS, J. B. Sudden cardiac death in the older athlete. Journal Of The American College Of Cardiology, Washington, v. 65, n. 5, p. 493-502, 2015. Disponível em: https://Doi.Org/10.1016/J.Jacc.2014.10.064. Acesso em: 15 jul. 2022.

CUNNINGHAM, T. C.; MAGHRABI, K.; SANATANI, S. Morbidities in the ultra-athlete and marathoner. Cardiology In The Young, Cambridge, v. 27, n. S1, p. S94-S100, 2017. Disponível em: https://Doi.Org/10.1017/S1047951116002304. Acesso em: 09 jul. 2022.

DENHAM, J.; NELSON, C. P.; O’BRIEN, B. J.; NANKERVIS, S. A.; DENNIFF, M.; HARVEY, J. T.; MARQUES, F. Z.; CODD, V.; ZUKOWSKA-SZCZECHOWSKA, E.; SAMANI, N. J.; TOMASZEWSKI, M.; CHARCHAR, F. J. Longer leukocyte telomeres are associated with ultra-endurance exercise independent of cardiovascular risk factors. Plos One, San Francisco, v. 8, n. 7, e69377, 2013. Disponível em: https://Doi.Org/10.1371/Journal.Pone.0069377. Acesso em: 07 jul. 2022.

DISTEFANO, G.; GOODPASTER, B. H. Effects of exercise and aging on skeletal muscle. Cold Spring Harbor Perspectives In Medicine, Woodbury, v. 8, n. 3, a029785, 2018. Disponível em: https://Doi.Org/10.1101/Cshperspect.A029785. Acesso em: 20 jul. 2022.

DOGRA, S.; DUNSTAN, D. W.; SUGIYAMA, T.; STATHI, A.; GARDINER, P. A.; OWEN, N. Active aging and public health: evidence, implications, and opportunities. Annual Review Of Public Health, Lafayette, v. 43, n. 1, p. 439-459, 2022. Disponível em: https://Doi.Org/10.1146/Annurev-Publhealth-052620-091107. Acesso em: 01 jul. 2022.

DZIECHCIAŻ, M.; FILIP, R. Biological psychological and social determinants of old age: bio-psycho-social aspects of human aging. Annals Of Agricultural And Environmental Medicine, Lublin, v. 21, n. 4, p. 835-838, 2014. Disponível em: https://Doi.Org/10.5604/12321966.1129943. Acesso em: 06 jul. 2022.

MORTE SÚBITA aos 58 anos em triatleta: infarto de Diniz pode ter elo com doença congênita; veja cuidados. G1, São Paulo, 2022. Disponível em: https://G1.Globo.Com/Saude/Noticia/2022/08/01/Morte-Subita-Aos-58-Anos-Em-Triatleta-Infarto-De-Diniz-Pode-Ter-Elo-Com-Doenca-Congenita-Veja-Cuidados.Ghtml. Acesso em: 07 jul. 2022.

HERNANDO, B.; GIL-BARRACHINA, M.; TOMÁS-BORT, E.; MARTINEZ-NAVARRO, I.; COLLADO-BOIRA, E.; HERNANDO, C. The effect of long-term ultra-endurance exercise and sod2 genotype on telomere shortening with age. Journal Of Applied Physiology, Rockville, v. 129, n. 4, p. 873-879, 2020. Disponível em: https://Doi.Org/10.1152/Japplphysiol.00570.2020. Acesso em: 07 jul. 2022.

LA GERCHE, A.; CONNELLY, K. A.; MOONEY, D. J.; MACISAAC, A. I.; PRIOR, D. L. Biochemical and functional abnormalities of left and right ventricular function after ultra-endurance exercise. Heart, London, v. 94, n. 7, p. 860-866, 2008. Disponível em: https://Doi.Org/10.1136/Hrt.2006.101063. Acesso em: 07 jul. 2022.

LEMEZ, S.; BAKER, J. Do elite athletes live longer? a systematic review of mortality and longevity in elite athletes. Sports Medicine - Open, London, v. 1, n. 1, p. 16, 2015. Disponível em: https://Doi.Org/10.1186/S40798-015-0024-X. Acesso em: 07 jul. 2022.

LEPERS, R.; STAPLEY, P. J. Master athletes are extending the limits of human endurance. Frontiers In Physiology, Lausanne, n. 7, a613, 2016. Disponível em: https://Doi.Org/10.3389/Fphys.2016.00613. Acesso em: 07 jul. 2022.

LIPPI, G.; FAVALORO, E.; & SANCHIS-GOMAR, F. Sudden cardiac and noncardiac death in sports: epidemiology, causes, pathogenesis, and prevention. Seminars In Thrombosis And Hemostasis, Uttar Pradesh, v. 44, n. 08, p. 780-786, 2018. Disponível em: https://Doi.Org/10.1055/S-0038-1661334. Acesso em: 07 jul. 2022.

MENDONÇA, G. V.; PEZARAT-CORREIA, P.; VAZ, J. R.; SILVA, L.; HEFFERNAN, K. S. Impact of aging on endurance and neuromuscular physical performance: the role of vascular senescence. Sports Medicine, London, v. 47, n. 4, p. 583–598, 2017. Disponível em: https://Doi.Org/10.1007/S40279-016-0596-8. Acesso em: 07 jul. 2022.

MITTENDORFER, B.; KLEIN, S. Effect of aging on glucose and lipid metabolism during endurance exercise. International Journal of Sport Nutrition and Exercise Metabolism, Champaign, v. 11, n. S1, p. S86-S91, 2001. Disponível em: https://Doi.Org/10.1123/Ijsnem.11.S1.S86. Acesso em: 07 jul. 2022.

NIKOLAIDIS, P.; KNECHTLE, B. Age of peak performance in 50-km ultramarathoners - is it older than in marathoners? Open Access Journal Of Sports Medicine, London, v. 9, p. 37-45, 2018. Disponível em: https://Doi.Org/10.2147/Oajsm.S154816. Acesso em: 07 jul. 2022.

NIKOLAIDIS, P.; ROSEMANN, T.; KNECHTLE, B. A brief review of personality in marathon runners: the role of sex, age and performance level. Sports, Basel, v. 6, n. 3, p. 99, 2018. Disponível em: https://Doi.Org/10.3390/Sports6030099. Acesso em: 07 jul. 2022.

O’KEEFE, E. L.; TORRES-ACOSTA, N.; O’KEEFE, J. H.; & LAVIE, C. J. Training for longevity: the reverse j-curve for exercise. Missouri Medicine, Missouri, v. 117, n. 4, p. 355–361, 2020. Disponível em: http://www.Ncbi.Nlm.Nih.Gov/Pubmed/32848273. Acesso em: 07 jul. 2022.

PATIL, H. R.; O’KEEFE, J. H.; LAVIE, C. J.; MAGALSKI, A.; VOGEL, R. A.; MCCULLOUGH, P. A. Cardiovascular damage resulting from chronic excessive endurance exercise. Missouri Medicine, Missouri, v. 109, n. 4, p. 312–321, 2012. Disponível em: http://www.Ncbi.Nlm.Nih.Gov/Pubmed/22953596. Acesso em: 07 jul. 2022.

PEDERSEN, B. K. Which type of exercise keeps you young? Current Opinion In Clinical Nutrition & Metabolic Care, Sidney, v. 22, n. 2, p. 167-173, 2019. Disponível em: https://Doi.Org/10.1097/Mco.0000000000000546. Acesso em: 07 jul. 2022.

POSSATI, C. Morte de João Paulo Diniz: qual é o motivo de enfartes em pessoas aparentemente saudáveis? Portal Terra, São Paulo, 2022. Disponível em: https://Www.Terra.Com.Br/Noticias/Coronavirus/Morte-De-Joao-Paulo-Diniz-Qual-E-O-Motivo-De-Enfartes-Em-Pessoas-Aparentemente-Saudaveis,4be2a53a9599bc90acc4d955a23dd6f0scf4gfpb.Html. Acesso em: 07 jul. 2022.

TAVEIRA, H. V.; DE LIRA, C. A. B.; ANDRADE, M. S.; VIANA, R. B.; TANAKA, H.; HILL, L.; NIKOLAIDIS, P. T.; KNECHTLE, B.; ROSEMANN, T.; VANCINI, R. L. Isokinetic muscle strength and postural sway of recreationally active older adults vs. master road runners. Frontiers In Physiology, Lausanne, v. 12, a632150, 2021. Disponível em: https://Doi.Org/10.3389/Fphys.2021.623150. Acesso em: 07 jul. 2022.

TERAMOTO, M.; BUNGUM, T. J. Mortality And Longevity Of Elite Athletes. Journal Of Science And Medicine In Sport, Amsterdam, v. 13, n. 4, p. 410-416, 2010. Disponível em: https://Doi.Org/10.1016/J.Jsams.2009.04.010. Acesso em: 07 jul. 2022.

ZARYSKI, C.; SMITH, D. J. Training principles and issues for ultra-endurance athletes. Current Sports Medicine Reports, Indianapolis, v. 4, n. 3, p. 165-170, 2005. Disponível em: https://Doi.Org/10.1097/01.Csmr.0000306201.49315.73. Acesso em: 07 jul. 2022.

Downloads

Publicado

2023-04-26

Como Citar

VANCINI, Rodrigo Luiz; CAMPANHARO, Cassia Regina Vancini; ANDRADE, Marília dos Santos; OKUNO, Meiry Fernanda Pinto; LIRA, Claudio Andre Barbosa de. É possível envelhecer com segurança praticando exercícios de ultra-resistência? . PerCursos, Florianópolis, v. 24, p. e0102, 2023. DOI: 10.5965/19847246242023e0102. Disponível em: https://periodicos.udesc.br/index.php/percursos/article/view/22598. Acesso em: 29 fev. 2024.

Edição

Seção

Dossiê “A multidimensionalidade das velhices: perspectivas do envelhecimento nas agendas do século XXI”