Guerreiras Donzelas: uma experiência de teatro feminista para crianças

Autores

  • Jussyanne Rodrigues Emidio Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC), Florianópolis, SC http://orcid.org/0000-0003-4057-6146
  • Luane Pedroso de Oliveira Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC), Florianópolis, SC

DOI:

https://doi.org/10.5965/1414573103332018142

Resumo

Este trabalho, escrito por duas autoras, pretende ser um breve relato sobre a elaboração do espetáculo infanto-juvenil Guerreiras Donzelas(2017). A peça apresenta as trajetórias de duas guerreiras, a francesa Joana d’Arc e a lenda chinesa de Hua Mulan. Produzido a partir de uma disciplina da pós-graduação, o trabalho reflete sobre a figura arquetípica da Donzela Guerreira e a sua materialização em mulheres reais ao longo dos tempos. Dessa maneira, aliado às práticas teatrais feministas, a peça traz alguns aspectos dos feminismos e das suas pautas de maneira lúdica para crianças, adultas e adultos.

Biografia do Autor

Jussyanne Rodrigues Emidio, Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC), Florianópolis, SC

Doutoranda do Programa de Pós-graduação em Teatro - PPGT/UDESC. Mestra em Teatro pela mesma instituição. Graduada em Arte e Mídia pela Universidade Federal de Campina Grande - UFCG. Atriz, bailarina, diretora.

Luane Pedroso de Oliveira, Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC), Florianópolis, SC

Doutoranda em Teatro no Programa de Pós-graduação em Teatro - PPGT/UDESC. Mestra pela mesma instituição. Bailarina e atriz.

Downloads

Publicado

2018-11-19

Como Citar

EMIDIO, J. R.; OLIVEIRA, L. P. de. Guerreiras Donzelas: uma experiência de teatro feminista para crianças. Urdimento - Revista de Estudos em Artes Cênicas, Florianópolis, v. 3, n. 33, p. 142-156, 2018. DOI: 10.5965/1414573103332018142. Disponível em: https://periodicos.udesc.br/index.php/urdimento/article/view/1414573103332018142. Acesso em: 26 jul. 2021.

Edição

Seção

Dossiê Temático - Teatros Feministas: Lutas e Conquistas