De seres humanos reais e performers verdadeiros

Autores

  • Annemarie Matzke Universität Hildesheim
  • Tradutor: Stephan Arnulf Baumgärtel Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC), Florianópolis, SC

DOI:

https://doi.org/10.5965/1414573101162011155

Resumo

Este artigo discute noções como autenticidade e veracidade no trabalho cênico frente ao crescente interesse em usar depoimentos biográficos de atuantes não-profissionais. O artigo se questiona sobre as fontes desse interesse bem como as diferenças dessas práticas teatrai em relação a formatos televisivos que trabalham com depoimentos biográficos e reflete sobre diferentes efeitos de autenticidade que se pode produzir com um teatro documentário que oscila entre ficção e realidade empírica.

Biografia do Autor

Annemarie Matzke, Universität Hildesheim

Pesquisadora, atriz e performer, membro do coletivo SheShePop, cujos projetos teatrais são situados na fronteira entre performance e teatro, indagando os limites entre representação e performance, entre práticas públicas e privadas. Ela é professora do Departamento de Ciências Teatrais da Universität Hildesheim/Alemanha, pesquisando e lecionando sobre formas experimentais do teatro contemporâneo.

Tradutor: Stephan Arnulf Baumgärtel, Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC), Florianópolis, SC

Professor doutor da Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC)

Downloads

Publicado

2020-12-30

Como Citar

MATZKE, A.; BAUMGÄRTEL, T. S. A. De seres humanos reais e performers verdadeiros. Urdimento - Revista de Estudos em Artes Cênicas, Florianópolis, v. 1, n. 16, p. 155-161, 2020. DOI: 10.5965/1414573101162011155. Disponível em: https://periodicos.udesc.br/index.php/urdimento/article/view/1414573101162011155. Acesso em: 26 jul. 2021.

Edição

Seção

Traduções