Vestir-se de palavra, noivar-se de Nelson - Teatro multimeios de Ione de Medeiros para texto rodriguiano

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5965/1414573104492023e0109

Palavras-chave:

Nelson Rodrigues, Ione de Medeiros, oficcina Multimédia, teatro contemporâneo, teatro moderno

Resumo

Este artigo constitui-se como uma leitura crítico-reflexiva do espetáculo Vestido de noiva, dirigido por Ione de Medeiros, do Grupo Oficcina Multimédia (GOM), estreado em 2023, uma montagem da peça homônima escrita por Nelson Rodrigues em 1943. Para tanto, o texto é composto por duas partes: a primeira constitui-se de uma investigação sobre as importantes contribuições de Nelson Rodrigues para o teatro moderno brasileiro; e a segunda desvela alguns elementos da linguagem multimeios do GOM que estruturam a recente montagem teatral de modo a ampliar e revivificar o texto teatral rodriguiano.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Fabrício Trindade Pereira, Universidade Federal de Minas Gerais

Doutorado em Artes da Cena pela Escola de Belas Artes da Universidade Federal de Minas Gerais. Mestrado em Estudos Literários da Faculdade de Letras da Universidade Federal de Minas Gerais. Licenciado em Teatro pela Escola de Belas Artes da UFMG. Professor e orientador de processos artísticos no Teatro Universitário/UFMG. Multiartista, professor de Artes, Teatro e Literatura.

Referências

DOSTOIÉVSKI, Fiódor. O sonho de um homem ridículo. In: DOSTOIÉVSKI, F. Duas narrativas fantásticas. A dócil e O sonho de um homem ridículo. Tradução, prefácio e notas de Vadim Nikitin. São Paulo: Editora 34, 4.ed. 2017, p. 91 -123.

EHRENZWEIG, Anton. A ordem oculta da Arte — Um estudo sobre a psicologia da imaginação artística. Rio de Janeiro: Zahar Editores, 1967.

FARIA, João Roberto. Nelson Rodrigues e a modernidade de Vestido de Noiva. In: O teatro na estante. Cotia: Ateliê Editorial, 1998. p. 113-142.

GRUPO OFICCINA MULTIMÉDIA. Proposta de Encenação. In: Programa do espetáculo Vestido de Noiva. Belo Horizonte: Grupo Oficcina Multimédia, 2023.

HERRERA, Rufo. Entrevista concedida a Guilherme Paoliello. Belo Horizonte, 2006. In: PAOLIELLO, Guilherme. A circulação da linguagem musical: o caso da Fundação de Educação Artística. Tese (Doutorado em Educação) - Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2007.

HERRERA, Rufo. Prefácio. In: MEDEIROS, Ione de. Grupo Oficcina Multimédia: 30 anos de integração das artes no teatro. Belo Horizonte: I. T. Medeiros, 2007.

MAGALDI, Sábato. Panorama do Teatro Brasileiro. São Paulo: Difel, 1962.

MEDEIROS, Ione. A dama das certezas provisórias. Revista Bravo, São Paulo, 2023. Entrevista concedida a Gabriela Mellão. Disponível em: https://bravo.abril.com.br/teatro/ione-de-medeiros-vestido-de-noiva-teatro-ccbb/. Acesso em: 12 set. 2023.

MEDEIROS, Ione. Conferência – 50º Festival de Inverno da UFMG: Conversando com Ione de Medeiros. Belo Horizonte, 2018. Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=UVvbeffH_SE. Acesso em: 06 set. 2023.

MEDEIROS, Ione. Grupo Oficcina Multimédia: 30 anos de integração das artes no teatro. Belo Horizonte: I. T. 2007.

MEDEIROS, Ione. Grupo Oficina Multimédia: 45 anos. Belo Horizonte: Lucias/Adaap, 2022.

MEDEIROS, Ione. Ione de Medeiros: a arte como exercício de liberdade. Bom dia Europa, Portugal, Lisboa, 2019a. Entrevista concedida a Ângelo Mendes Corrêa e Itamar Santos. Disponível em: https://bomdia.eu/ione-de-medeiros-a-arte-como-exercicio-de-liberdade/. Acesso em: 2 set. 2023.

MEDEIROS, Ione; FORTES, Jonnatha Horta. Vanguarda nas alterosas: 42 anos do Grupo Oficcina Multimédia. Entrevista concedida a Felipe Cordeiro, 2019b. Disponível em: https://primeirosinal.com.br/vanguarda-nas-alterosas-42-anos-do-grupo-oficcina-multimedia/. Acesso em: 2 set. 2023.

PAVIS, Patrice. Dicionário de teatro. Trad. J. Guinsburg e Maria Lúcia Pereira. 3 ed. São Paulo: Perspectiva, 2008.

PEREIRA, Fabrício Trindade. Las Yeguas del Apocalipsis, Officina Multimédia e Yuyuchkani [manuscrito]: corpos sudacas. 2023. Tese (Doutorado em Artes) – Universidade Federal de Minas Gerais, 2023.

RODRIGUES, Nelson. A menina sem estrela: Memórias. São Paulo: Cia. das Letras, 1993.

RODRIGUES, Nelson. Teatro desagradável. In: Revista Dionysos. Rio de Janeiro: SNT/MEC, 1949, p. 17.

SZONDI, Peter. Teoria do drama moderno. Trad. Luiz Sérgio Rêpa. São Paulo: Cosac & Naify, 2001.

Publicado

2023-12-13

Como Citar

PEREIRA, Fabrício Trindade. Vestir-se de palavra, noivar-se de Nelson - Teatro multimeios de Ione de Medeiros para texto rodriguiano. Urdimento: Revista de Estudos em Artes Cênicas, Florianópolis, v. 4, n. 49, 2023. DOI: 10.5965/1414573104492023e0109. Disponível em: https://periodicos.udesc.br/index.php/urdimento/article/view/1-21. Acesso em: 20 abr. 2024.

Edição

Seção

Dossiê Temático: Nelson Rodrigues no chão do palco