Mapeamento de risco de escorregamentos da sede urbana do município de Santa Teresa – ES

Autores

  • Thatyane Mônico Nascimento Universidade do Estado de Minas Gerais

DOI:

https://doi.org/10.5965/1984724618362017137

Resumo

O presente artigo é parte do trabalho executado em dissertação de mestrado acadêmico, que teve como objetivo principal o desenvolvimento de mapeamento de risco de escorregamentos para a Sede Urbana e suas adjacências no município de Santa Teresa - ES, com método distinto do que vem sendo executado após a promulgação da lei 12.608/2012. Como objetivo específico desse estudo, buscou-se também fazer uma comparação entre os outros mapeamentos elaborados para esta área de estudo, a fim de validar o método utilizado e com intenção de apontar novas áreas em que o risco pudesse ser significativo. Nesse mapeamento, utilizou-se um método híbrido de análise para as variáveis que compõem o risco, sendo elas perigo, vulnerabilidade e dano potencial. A comparação foi entre os documentos: setorização de risco alto e muito alto realizado pela Companhia de Pesquisa e Recursos Minerais (CPRM, 2012) e, do Plano Municipal de Redução de Risco Geológico (PMRR), realizado por empresa privada em parceria com o governo do Estado do Espírito Santo, entre o ano de 2012 e 2013. Este método que tem como característica híbrida na sua composição, emprega uma análise paramétrica, de abordagem de paisagem e, também, dos dados referentes ao menor limite administrativo (Setores Censitários) do Censo Demográfico do IBGE (2010), os quais demonstraram que o mapeamento foi conclusivo em observar zonas de expansão da ocupação e qualificar o risco, o perigo, a vulnerabilidade e o dano potencial da área de estudo, elencando áreas proativas para qualificação significativa dessas variáveis.

 

Palavras-chave: SIG. Lei 12.608/2012. Desastres Ambientais. Avaliação de Riscos Ambientais e Santa Teresa (ES).

Biografia do Autor

Thatyane Mônico Nascimento, Universidade do Estado de Minas Gerais

Licenciada em Geografia pela Universidade Federal do Espírito Santo (UFES-2013). Mestre em Geografia, área de concentração: Natureza, Produção do Espaço e Território, pela Universidade Federal do Espírito Santo (PPGG/UFES - 2016). Atualmente, professora do curso de geografia na Universidade do Estado de Minas Gerais (UEMG/ Carangola).

Downloads

Publicado

2017-07-12

Como Citar

Nascimento, T. M. (2017). Mapeamento de risco de escorregamentos da sede urbana do município de Santa Teresa – ES. PerCursos, 18(36), 137 - 174. https://doi.org/10.5965/1984724618362017137