Desarmar o brasão de Guatemala

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5965/2175234614342022203

Palavras-chave:

Brasão de armas, América Central, Lutas populares, Decolonial, Artes visuais

Resumo

A seguinte proposição artística aborda a obra “Desarmar o Brasão de Guatemala”, uma releitura teórica e prática sobre a independência da Guatemala. Este símbolo patriótico "reforça" uma identidade nacional com a qual a população não se identifica e agora cobra outra simbologia, desarmando artisticamente os elementos presentes no brasão atual. Retirando símbolos de violência, morte e conquista, busco abrir espaço a elementos de revolução, liberdade e força das lutas coletivas dos movimentos populares indígenas, que arduamente vem atravessando todo tipo de opressão militar e social mas sempre seguem firmes e fortes nos seus propósitos. Neste trabalho desenvolvo um novo brasão, constituído de elementos de lutas revolucionárias.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rocio Francela Reyes Carrera, Universidade do Estado de Santa Catarina

Mestranda na linha de pesquisa em Processos Artísticos Contemporâneos da Universidade do Estado de Santa Catarina. Investiga conceitos políticos, históricos e religiosos da América Central e realiza projetos artísticos a partir da sua pesquisa.

Referências

CABEZAS, C. Horácio. Ocaso del reino de Guatemala, Gobiernos de Bustamante, Urrutia y Gaínza. Guatemala 2021. Disponível em:

https://www.academia.edu/44923334/OCASO_DEL_REINO_DE_GUATEMALA. Acesso em: 5 junho 2022

IXCHIU, Andrea. Una indigena del siglo XXI. Entrevista por DW Histórias Latinas, 2020. Disponível em https://www.youtube.com/watch?v=vQNvVzNQzpk. Acesso em: 7 junho 2022

Downloads

Publicado

2022-09-01

Como Citar

CARRERA, R. F. R. Desarmar o brasão de Guatemala. Palíndromo, Florianópolis, v. 14, n. 34, p. 203-212, 2022. DOI: 10.5965/2175234614342022203. Disponível em: https://periodicos.udesc.br/index.php/palindromo/article/view/22235. Acesso em: 29 set. 2022.

Edição

Seção

Artigos Seção temática