Teatro de Objetos Documentais e Objetos pós catástrofe: a construção dramatúrgica do filme Os Invisíveis

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5965/2595034702252021121

Palavras-chave:

Cultura material, objeto, memória, catástrofe, Teatro de Objetos Documentais

Resumo

Ao longo da pesquisa sobre os objetos documentais para o filme Os Invisíveis, realizado em março de 2021, foi levantado um panorama material das reminiscências relacionadas à catástrofe climática ocorrida na região Serrana do Rio de Janeiro em 2011, temática central do referido filme. O artigo reúne reflexões sobre as experiências vividas no processo de construção da dramaturgia do filme, que englobam, especificamente, categorias de objetos que possuem relações com a catástrofe Serrana. O artigo está dividido por seções que refletem a relevância dos grupos de estudos realizados com moradores da região Serrana e a relação dos objetos e as suas memórias.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Vanessa dos Santos Dias, Universidade Federal do Rio de Janeiro

Vanessa Dias é niteroiense (RJ), atua nas áreas do Teatro como atriz, pesquisadora, educadora e bonequeira. Formada como atriz pela Escola de Teatro Martins Penna, formada como educadora em Artes Cênicas na UNIRIO. É integrante há 9 anos da premiada cia Amok Teatro, grupo de 24 anos de intensa pesquisa no Rio de Janeiro e da Companhia Les Trois Clès (Brasil-França). Foi contemplada pelo edital Retomada Cultural-RJ (2020) ao idealizar o espetáculo Circo-Teatro Estrela Prateada.

Referências

BAUDRILLARD, Jean. O sistema dos Objetos. São Paulo: Siglo XXI, 2016.

BENJAMIN, Walter. Magia e técnica, arte e política: ensaios sobre literatura e história da cultura. Tradução de Sérgio Paulo Rouanet; prefácio Jeanne Marie Gagnebin - 8° Ed. revista - São Paulo: Brasiliense, 2012.

BERGSON, Henri. Matéria e memória. Ensaios sobre a relação do corpo com o espírito. São Paulo: Martins Fontes, 1990.

BUSCH, Amarílis e Sônia Amorim. A tragédia da região serrana do Rio de Janeiro em 2011: procurando respostas. Casoteca de Gestão pública. Brasília: Enap, 2011.

COUTO E SILVA, Golbery. Geopolítica do Brasil. Rio de Janeiro: José Olympio. 1967.

LARIOS, Shaday. Los objetos vivos. Escenarios de la materia indócil. México: Toma, Ediciones y Producciones Escénicas y Cinematográficas/Paso de Gato, 2018.

LARIOS, Shaday. Objetario Cuba S. A. Memoria Insular. Um Teatro de objetos documentales para la isla. Conjunto - Revista de Teatro Latinoamericano y caribeño, La Habana, v. 194-195, p. 38-45, 2020.

LARIOS, Shaday. Escenarios post-catástrofe: filosofía escénica del desastre. México: Paso De Gato, 2010.

LARIOS, Shaday. Teatro de objetos documentales Laboratorio de creación teórico-práctico (Circuito de la memoria Material). Universidad Nacional De Las Artes. Buenos Aires. Argentina. 2019.

SÁNCHEZ, José A. Artes de la escena y de la acción en España 1978-2002. Cuenca, UCLM, 2006.

Downloads

Publicado

2021-12-18

Como Citar

DIAS, V. dos S. Teatro de Objetos Documentais e Objetos pós catástrofe: a construção dramatúrgica do filme Os Invisíveis . Móin-Móin - Revista de Estudos sobre Teatro de Formas Animadas, Florianópolis, v. 2, n. 25, p. 121 - 138, 2021. DOI: 10.5965/2595034702252021121. Disponível em: https://periodicos.udesc.br/index.php/moin/article/view/20963. Acesso em: 27 nov. 2022.