Fernando Augusto: o menino de Nanã

Autores

  • Humberto Braga ABTB – UNIMA – Rio de Janeiro

DOI:

https://doi.org/10.5965/2595034701132015088

Resumo

Artigo escrito a partir de entrevista cedida por Fernando Augusto Gonçalves Santos, em setembro de 2014, em Olinda – Pernambuco. Foram acrescentadas informações extraídas de documentos oferecidos, pesquisados e em arquivos guardados por mais de trinta anos, durante os quais o autor acompanha parte desta trajetória em diferentes frentes de trabalho como o Teatro de Bonecos, o Mamulengo e em atividades
ligadas às artes e à cultura popular de Pernambuco. Registramos que, considerando o volume de informações e do material disponível, foi feita uma seleção de pontos cabíveis dentro do espaço do artigo.

Palavras-chave: Teatro de Bonecos. Teatro Popular de Bonecos do Nordeste Brasileiro. Mamulengo. Fernando Augusto Gonçalves Santos. Mamulengo Só-Riso.



Biografia do Autor

Humberto Braga, ABTB – UNIMA – Rio de Janeiro

Profissional de Artes Cênicas, diretor de produção e consultor de projetos artísticos. Ocupou cargos em instituições federais de cultura como o Instituto Nacional de Artes Cênicas – INACEN, a Fundação Nacional de Artes – FUNARTE e a Secretaria de Música e Artes Cênicas, do Ministério da Cultura. Integrou a diretoria da Associação Brasileira de Teatro de Bonecos – ABTB em vários períodos.

Downloads

Publicado

2018-03-16

Como Citar

Braga, H. (2018). Fernando Augusto: o menino de Nanã. Móin-Móin - Revista De Estudos Sobre Teatro De Formas Animadas, 1(13), 088-106. https://doi.org/10.5965/2595034701132015088

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)