ARTICULAÇÕES ENTRE CURSOS DE FORMAÇÃO DE PROFESSORES, ESCOLAS E PROJETOS DE INCLUSÃO DIGITAL: possibilidades para a vivência plena da cultura digital

Autores

  • Joseilda Sampaio de Souza
  • Maria Helena Silveira Bonilla

Resumo

O artigo apresenta resultados da pesquisa de mestrado “Cultura digital e formação de professores: articulação entre os Projetos Irecê e Tabuleiro Digital”, realizada nos anos de 2009 e 2010, que investigou e analisou a possível interdependência entre dois projetos – um curso de pedagogia e um projeto de inclusão digital –, de modo a compreender a complementaridade na dinâmica de ambos, e identificar quais ações desenvolvidas por esses projetos possibilitaram a vivência e a formação da cultura digital entre os professores em formação. A investigação qualitativa e a natureza de estudo da etnopesquisa formação foram adotados enquanto perspectiva metodológica, e encontramos nos instrumentos - análise documental, observação participante e entrevistas semi-estruturadas - os subsídios necessários para o desenvolvimento da pesquisa. Neste texto, procuramos analisar as ações desenvolvidas pelo curso de pedagogia, a fim de promover a articulação entre as escolas e o projeto de inclusão digital, apresentando e discutindo sobre o movimento de constituição e vivência da cultura digital que foi desencadeado na cidade de Irecê-Ba.

Downloads

Publicado

2012-11-30

Como Citar

SOUZA, J. S. de; BONILLA, M. H. S. ARTICULAÇÕES ENTRE CURSOS DE FORMAÇÃO DE PROFESSORES, ESCOLAS E PROJETOS DE INCLUSÃO DIGITAL: possibilidades para a vivência plena da cultura digital. Revista Linhas, Florianópolis, v. 13, n. 2, p. 99 - 122, 2012. Disponível em: https://periodicos.udesc.br/index.php/linhas/article/view/1984723813022012099. Acesso em: 3 ago. 2021.