Noções do trabalho corporal na formação do(a) artista-docente: há espaço para as diversidades na pedagogia do Teatro?

Marcia Berselli, Diego de Medeiros Pereira

Resumo


O artigo visa a discutir questões relativas ao trabalho corporal na formação de artistas-docentes das artes cênicas, a partir das experiências dos autores como docentes das disciplinas de Expressão Corporal em um curso de Licenciatura em Teatro. A formação desse profissional é problematizada, destacando a importância das diversidades de ser, (re)existir e se expressar no mundo, tensionando o contexto atual do ensino de teatro com pressupostos observados na cena contemporânea. Autores como Fortin (2011), Lehmann (2011) e Le Breton (2009) fundamentam as discussões apresentadas. A responsabilidade sobre a formação do licenciado que atuará em diferentes contextos é destacada, indicando à importância da reflexão sobre o tema nos processos de ensino-aprendizagem na universidade.  


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5965/1414573101342019172



Direitos autorais 2019 Urdimento - Revista de Estudos em Artes Cênicas



 

    

 

Indexadores

   

       


Urdimento – Revista de Estudos em Artes Cênicas - Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC) - Centro de Artes (CEART) - Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas - (PPGT) – E-ISSN: 2358.6958 - Endereço: Universidade do Estado de Santa Catarina – UDESC, Centro de Artes - Av. Madre Benvenuta, 2007, Itacorubi. Florianópolis. SC, Brasil. CEP: 88.035-001 – E-mail: urdimento.ceart@udesc.br

Licença Creative Commons

  Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.