[1]
H.-T. Lehmann, “Motivos para desejar uma arte da não-compreensão”, Urdimento, vol. 1, nº 9, p. 141-149, set. 2018.