Uma serpente operística: a encenação da última peça de Nelson Rodrigues

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5965/1414573104492023e0110

Palavras-chave:

A Serpente, cenografia, espaço cênico, Nelson Rodrigues, Marcos Flaksman

Resumo

Este artigo enfoca a primeira encenação de A Serpente, última peça de Nelson Rodrigues, realizada no Rio de Janeiro em 1980, com direção e cenografia de Marcos Flaksman. A partir de pesquisa sobre a montagem e de entrevista realizada com o diretor, foram compilados dados historiográficos e analisadas a recepção crítica da peça, a atuação do dramaturgo na montagem do texto e as opções cênicas e estéticas do encenador, abordando por fim o processo de criação da espacialidade para aquela cena.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Andrea Renck, Universidade Federal do Rio de Janeiro

Doutorado em Artes Cênicas pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO). Mestrado em Teatro pela UNIRIO. Bacharel em Artes Cênicas - com Habilitação em Cenografia - pela Universidade Federal do Rio de Janeiro – (UFRJ). Professora adjunta dos Cursos de Artes Cênicas da UFRJ.

Referências

ARAÚJO, Celso. Nelson Rodrigues. 40 anos de uma dor canalha pelo pai da tragédia brasileira. Correio Brasiliense, Brasília, 20 mar.1980.

CAMBARÁ, Isa. A Serpente estreia no Rio. Folha de São Paulo, São Paulo, 06 mar. 1980.

Estreia teatral. Nelson Rodrigues, o fazedor de frases. Tribuna da Imprensa, Rio de Janeiro, 15 mar. 1980.

FLAKSMAN, Marcos. Entrevista presencial concedida à Andréa Renck em 18 set. 2023, no Rio de Janeiro. Duração: 80 minutos.

GUEDES, Antonio. Sobre tragédias...Afinal, são tragédias! In: Teatro completo de Nelson Rodrigues – Box em 2 volumes. 3 Ed. Volume 2. Tragédias cariocas. p.24-34. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2017.

GUEDES. Antonio. A precisão das falas e a concretude cênica em Nelson Rodrigues. Revista Folhetim - Especial Nelson Rodrigues. Nº 29. Org. Fátima Saad. p.382-395. Rio de Janeiro: Teatro do Pequeno Gesto, 2010.

GUEDES, Antonio. A precisão das falas e a concretude cênica em A Serpente. In: A esfinge investigada. Seminário Recife Nelson Rodrigues.Org. Aimar Labaki e Antonio Edson Cadengue. p.257-270. Recife: Fundação de Cultura da Cidade do Recife, 2007.

LINHARES, Ricardo. Morte, virgindade, sexo. Jornal dos Sports, Rio de Janeiro, 01/06/1980, p.21.

MAGALDI, Sábato. Nelson Rodrigues: Dramaturgia e encenações. 2ª Ed. São Paulo: Perspectiva, 1992.

MARINHO, Flávio. A Serpente, nova peça de Nelson Rodrigues. O Globo, Coluna Teatro, Rio de Janeiro, 28 jan. 1980.

MARINHO, Flávio. A Serpente, de Nelson Rodrigues. O Globo, Coluna Teatro, Rio de Janeiro, 06 mar. 1980.

MARINHO, Flávio. A estreia de ontem. Uma Serpente operística. O Globo, Coluna Teatro, Rio de Janeiro, 07 mar. 1980, p.35.

MICHALSKI, Yan. Toda bondade será castigada. Jornal do Brasil, Rio de Janeiro, 10 mar. 1980.

MICHALSKI, Yan. Três novidades relançam a temporada. Jornal do Brasil, Rio de Janeiro, 29 fev. 1980, p.9.

PROGRAMA DE SALA. Espetáculo A Serpente. Programa da primeira montagem. Rio de Janeiro: Editora Teatral, 1980.

RIOS NETO, Licínio. Nova peça de Nelson Rodrigues. Tribuna da Imprensa, Rio de Janeiro, 08 fev. 1980, p.10.

RODRIGUES, Nelson. A Serpente. Peça em um ato: tragédia carioca. 3ª Ed. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2012.

RODRIGUES, Nelson. Entrevista. Yuruah, manequim, atriz de TV. O Globo, Rio de Janeiro, 11 fev. 1980.

RODRIGUES, Nelson. As cem mil verdades de cada um. Coluna Nelson Rodrigues, O Globo, Rio de Janeiro, 08 mar.1980.

ROSÁRIO FILHO, Macksen Luiz do. A Serpente. Revista Isto É. Rio de Janeiro,19 mar. 1980.

SOUZA, Mariana Filgueiras de; FIGUEIREDO, Eurídice. A representação da criada nas tragédias cariocas de Nelson Rodrigues. Revista Textura. Revista de Educação e Letras. V.23, Nº56, p.117-130. ULBRA, out./dez. 2021.

SWANN, Carlos. Tesoura na Serpente. O Globo, Rio de Janeiro, 07 mar. 1980.

TEIXEIRA, Ib. Nelson Rodrigues volta ao teatro com uma nova peça - A Serpente. Manchete, Revista semanal, ano 27, Nº 1.397, p.36-38, Rio de Janeiro: Bloch Editores S.A, 27 jan. 1979.

YURUAH, manequim, atriz de TV. O Globo, Rio de Janeiro, 11 fev.1980.

Publicado

2023-12-13

Como Citar

RENCK, Andrea. Uma serpente operística: a encenação da última peça de Nelson Rodrigues. Urdimento - Revista de Estudos em Artes Cênicas, Florianópolis, v. 4, n. 49, p. 1–26, 2023. DOI: 10.5965/1414573104492023e0110. Disponível em: https://periodicos.udesc.br/index.php/urdimento/article/view/24420. Acesso em: 29 maio. 2024.

Edição

Seção

Dossiê Temático: Nelson Rodrigues no chão do palco