Entre tablados e arenas: performances culturais

Autores

  • Sainy Coelho Borges Veloso Universidade Federal de Goiás (UFG)

DOI:

https://doi.org/10.5965/1414573102232014188

Resumo

 Este artigo traça o percurso histórico de um pensamento transdisciplinar, construído durante o século XX, que aproximou as ciências das artes, e possibilitou o surgimento dos Estudos das Performances Culturais, nos Estados Unidos, na década de 1980. Estudos que entrecruzam três matrizes: a sociológica de Erving Goffman (2011); a antropológica de Vitor Turner (2008); e teatral, desenvolvida pelo teatrólogo Richard Schechner (2002).

 

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Sainy Coelho Borges Veloso, Universidade Federal de Goiás (UFG)

Possui graduação em Educação Artística pela Faculdade de Artes Dulcina de Moraes/Fundação Brasileira de Teatro (1988); especialização em Linguagens Artísticas e Educação (1991); mestrado em Artes (1998); e doutorado em História Cultural (2008), pela Universidade de Brasília. Atualmente é professora na Universidade Federal de Goiás. Tem experiência na área de Artes Visuais, atuando principalmente no Ensino de Arte e Pesquisa da Imagem Contemporânea, na Faculdade de Artes Visuais - FAV. Participa da linha de pesquisa: Teorias e Práticas da Performance, do Mestrado interdisciplinar em Performances Culturais, da Escola de Música e Artes Cênicas - EMAC/UFG. É coordenadora do grupo de pesquisa: Imagem e História Cultural (CAPES) e coordena a pesquisa [EM]CENA[AÇÃO]: corpos em performances culturais. Atualmente, faz pós-doutorado em Cultura y Sociedad, na Universidad de San Martín, em Buenos Aires (Argentina), com bolsa CAPES.

Downloads

Publicado

2014-11-23

Como Citar

VELOSO, S. C. B. Entre tablados e arenas: performances culturais. Urdimento - Revista de Estudos em Artes Cênicas, Florianópolis, v. 2, n. 23, p. 188 - 205, 2014. DOI: 10.5965/1414573102232014188. Disponível em: https://periodicos.udesc.br/index.php/urdimento/article/view/1414573102232014188. Acesso em: 3 out. 2022.