Teatro argentino contemporâneo

Autores

  • Julia Elena Sagaseta Universidade del Arte de Buenos Aires (IUNA), Buenos Aires, AR

DOI:

https://doi.org/10.5965/1414573101092007153

Resumo

O panorama do teatro argentino deve ser lido a partir de distintas instâncias, de distintos lugares de pertencimento artístico e de consagração. Basicamente são três esses espaços: o teatro oficial (salas que pertencem à Dirección de Cultura Municipal ou Nacional), o teatro comercial e o teatro off e/ou experimental, também chamado teatro independente. 

Biografia do Autor

Julia Elena Sagaseta, Universidade del Arte de Buenos Aires (IUNA), Buenos Aires, AR

Professora do Instituto Universitario del Arte (IUNA) Buenos Aires

Downloads

Publicado

2018-09-14

Como Citar

SAGASETA, J. E. Teatro argentino contemporâneo. Urdimento - Revista de Estudos em Artes Cênicas, Florianópolis, v. 1, n. 9, p. 153-159, 2018. DOI: 10.5965/1414573101092007153. Disponível em: https://periodicos.udesc.br/index.php/urdimento/article/view/1414573101092007153. Acesso em: 27 out. 2021.

Edição

Seção

Dossiê Temático - Cone Sul - Teatro Contemporâneo