O “Jovem Marx” de Raoul Peck

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5965/2175180310242018616

Resumo

Resenha da obra:

PECK, Raoul. O jovem Karl Marx. França, Alemanha, Bélgica: California Filmes, 2017, 119min.

Sem se prender a uma análise técnica ou tendenciosamente ideológica, busco retratar, aqui, O Jovem Marx, do cineasta haitiano Raoul Peck que joga, nas telas, alguns aspectos não só biográficos, mas intelectuais que remontam o percurso juvenil de formação do pensador alemão.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Claudinei Aparecido de Freitas Silva, UNIOESTE

Professor dos Cursos de Graduação e de Pós-Graduação (Stricto Sensu) em Filosofia da UNIOESTE – Campus Toledo com Estágio Pós-Doutoral pela Université Paris 1 – Panthéon-Sorbonne (2011/2012). Escreveu “A Carnalidade da Reflexão: ipseidade e alteridade em Merleau-Ponty” (São Leopoldo, RS, Nova Harmonia, 2009) e “A Natureza Primordial: Merleau-Ponty e o ‘logos do mundo estético’” (Cascavel, PR, Edunioeste, 2010). Organizou “Encarnação e Transcendência: Gabriel Marcel, 40 anos depois” (Cascavel, PR, Edunioeste, 2013), “Merleau-Ponty em Florianópolis” (Porto Alegre, RS, 2015), “Kurt Goldstein: psiquiatria e fenomenologia” (Cascavel, PR, Edunioeste, 2015), Festschrift aos 20 anos do Simpósio de Filosofia Moderna e Contemporânea da UNIOESTE (Cascavel, PR, Edunioeste, 2016) e, em parceria com Franco Riva, Compêndio Gabriel Marcel (Cascavel, PR/Goiânia: Edunioeste/Editora PUC Goiás, 2017).

Downloads

Publicado

2018-08-06

Como Citar

SILVA, C. A. de F. O “Jovem Marx” de Raoul Peck. Revista Tempo e Argumento, Florianópolis, v. 10, n. 24, p. 616 - 620, 2018. DOI: 10.5965/2175180310242018616. Disponível em: https://periodicos.udesc.br/index.php/tempo/article/view/2175180310242018616. Acesso em: 28 set. 2022.