Os arquivos da segunda guerra mundial na França, da história à história de si <em>DOI: 10.5965/2175180305092013312</em>

Autores

  • Patrice Marcilloux Universidade de Angers

Resumo

A abertura ao público dos arquivos da segunda guerra mundial nos anos 1990 constituiu um episódio marcante e por vezes conflituoso da história recente dos arquivos na França. O período foi marcado, com efeito, por uma série de calorosos debates, por vezes polêmicos, sobre as condições jurídicas do acesso a esses documentos. Voltamos aqui a esses anos difíceis, esforçando-nos por decifrar o que eles puderam significar em termos de relação entre leitor e documento de arquivos. Atrás de uma evidente necessidade de história e de uma problemática de memória social e coletiva que não poderiam ser negadas, esconde-se uma assaz profunda transformação das lógicas de uso do documento de arquivos.

Biografia do Autor

Patrice Marcilloux, Universidade de Angers

Professor pesquisador em arquivística da Universidade de Angers – França

Downloads

Publicado

2013-06-27

Como Citar

MARCILLOUX, P. Os arquivos da segunda guerra mundial na França, da história à história de si <em>DOI: 10.5965/2175180305092013312</em>. Revista Tempo e Argumento, Florianópolis, v. 5, n. 9, p. 312 - 335, 2013. Disponível em: https://periodicos.udesc.br/index.php/tempo/article/view/2175180305092013312. Acesso em: 27 jul. 2021.

Edição

Seção

Seção Temática - Arquivos no tempo e na história