Vivências de pandemia: desafios e estratégias de programação e disseminação no contexto da música experimental em Portugal (2020-2021)

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5965/2525530408022023e0201

Palavras-chave:

pandemia Covid-19, música experimental portuguesa, programação de eventos musicais

Resumo

Este estudo procurou investigar a vivência da situação de pandemia de Covid-19, entre março de 2020 e início de 2021, por parte de artistas e responsáveis por espaços e eventos de disseminação da música experimental em Portugal e os seus processos de adaptação durante este período. Para esse efeito, foram realizadas entrevistas com 8 artistas e/ou diretores de programação ligados ao contexto da música experimental, e analisado o respectivo conteúdo para identificação de tópicos relevantes e temáticas transversais. Não obstante a existência de obstáculos frequentemente insolúveis para a prática artística, todas as pessoas entrevistadas relataram um nível de atividade significativa, salientando a utilização de meios digitais de comunicação e disseminação como alternativa mais comum. No entanto, foram também mencionados os problemas de comunicação com o público decorrentes destas opções, assim como o impacto negativo tanto para as características identitárias destas instituições, como para a sustentabilidade profissional dos músicos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Luís Bittencourt, University of Aveiro

PhD em Performance Musical e Mestre em Performance Musical pela Universidade de Aveiro, Portugal, e Bacharel em Performance de Percussão (Universidade Federal de Santa Maria, Brasil)

Helena Marinho, University of Aveiro

Professora Associada no Departamento de Comunicação e Arte da Universidade de Aveiro e investigadora integrada do Instituto de Etnomusicologia - Centro de Estudos de Música e Dança (INET-md).

Alfonso Benetti, University of Aveiro

Pianista e pesquisador em Música (PhD) pela Universidade de Aveiro (Portugal) onde foi membro do Instituto de Etnomusi-cologia, Música e Dança (INET-MD) e da Fundação para a Ciência e Tecnologia

Referências

AZGUIME, Miguel. [Entrevista concedida a] Helena Marinho. [S. l.], 10 dez. 2020. Via Zoom®.

BAPTISTA, José Tiago. [Entrevista concedida a] Alfonso Benetti. [S. l.], 18 mar. 2021. Via Zoom®

BARDIN, Laurence. Análise de Conteúdo. 1. ed. São Paulo: Almedina, 2011. 280 p.

BHOWMIK, Roni; DEBNATH, Gouranga Chandra; ZAFAR, Raja Fawad; LORMON, Bruce Lortile. Creative industry in terms of Covid-2019 pandemic: European countries responsive measures. Pressburg Economic Review, Londres, v. 1, n. 1, p. 9-7, dez. 2021. Disponível em: https://review.pressburgcentre.org/per/article/view/3. Acesso em: 12 maio 2023.

BOTSTEIN, Leon. The future of music in America: the challenge of the COVID-19 pandemic. The Musical Quarterly, [s. l.], v. 102, n. 4, p. 351-360, ago. 2020. Disponível em: https://doi.org/10.1093/musqtl/gdaa007. Acesso em: 12 maio 2023.

CAI, Carrie. J.; CARNEY, Michelle; ZADA, Nida; TERRY, Michael. Breakdowns and breakthroughs: observing musicians’ responses to the COVID-19 pandemic. ACM Digital Library, Yokohama, p. 1-13, 7 maio 2021. Disponível em: https://doi.org/10.1145/3411764.3445192. Acesso em: 15 maio 2023.

CASTRO, Raquel. [Entrevista concedida a] Luís Bittencourt. [S. l.], 21 dez. 2020. Via Zoom®

COSTA, Gustavo. [Entrevista concedida a] Luís Bittencourt. [S. l.], 11 mar. 2021. Via Zoom®.

DÂMASO, Rui Pedro. [Entrevista concedida a] Alfonso Benetti. [S. l.], 15 dez. 2020. Via Zoom®.

DICICCO-BLOOM, Barbara; CRABTREE, Benjamin F. The qualitative research interview. National Library of Medicine, Maryland, v. 40, n. 4, p. 314-321, abr. 2006. Disponível em: https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/16573666/. Acesso em: 12 maio 2023.

FERNANDES, Luís. [Entrevista concedida a] Luís Bittencourt. [S. l.], 24 nov. 2020. Via Zoom®.

FISCHLIN, Daniel; RISK, Laura; STEWART, Jesse (ed.). Improvisation, musical communities, and the COVID-19 pandemic. Critical Studies in Improvisation, Études critiques en improvisation, Ontário, v. 14, n. 1, 3 mar. 2021. Disponível em: https://www.criticalimprov.com/index.php/csieci/issue/view/417. Acesso em: 12 maio 2023.

FOX, Christopher. Why experimental? Why me? In: SAUNDERS, James (ed.). The Ashgate Research Companion to Experimental Music, London: Routledge, 2009. p. 7-26.

GIBBS, Graham. Análise de dados qualitativos. Porto Alegre: Artmed, 2009. 198 p.

GUERRA, Paula; OLIVEIRA, Ana; SOUSA, Sofia. Um requiem pelas músicas queperdemos: percursos com paragens pelos impactos da pandemia na produção musical independente em Portugal. O Público e o Privado, [s. l.], v. 19, n. 38, p. 171-198, jan./abr. 2021. Disponível em: https://doi.org/10.52521/19.4220. Acesso em: 15 maio 2023.

HAGMANN, Lee; MOECKLI, Laura; OTTOMANO, Vincenzina C.; SCHARRER, Margret (ed.). Musik in Krisenzeiten: Pandemien. Schweizer Jahrbuch für Musikwissenschaft, Hochschulstrasse, v. 39, dez. 2022. Disponível em: https://bop.unibe.ch/SJM. Acesso em: 15 maio 2023.

HANSEN, Niels Chr.; WALD-FUHRMANN, Melanie; DAVIDSON, Jane Whitfield (ed.). Social convergence in times of spatial distancing: the role of music during the COVID-19 pandemic. Frontiers in Psychology, [s. l.], v. 11, [jan./dez.] 2021. Disponível em: https://www.frontiersin.org/research-topics/14089/social-convergence-in-timesof-spatial-distancing-the-role-of-music-during-the-covid-19-pandemic#overview. Acesso em: 15 maio 2023.

HOWARD, Frances; BENNET, Andy; GREEN, Ben; GUERRA, Paula; SOUSA, Sofia; SOFIJA, Ernesta. “It’s turned me from a professional to a ‘bedroom DJ’ once again”: COVID-19 and new forms of inequality for young music-makers. YOUNG, [s. l.], v. 29, n. 4, p. 417-432, set. 2021. Disponível em: https://doi.org/10.1177/1103308821998542. Acesso em: 15 maio 2023.

KHLYSTOVA, Olena; KALYUZHNOVA, Yelena; BELITSKI, Maksim. The impact of the COVID-19 pandemic on the creative industries: a literature review and future research agenda. Journal of Business Research, [s. l.], v. 139, p. 1192-1210, fev. 2022. Disponível em: https://doi.org/10.1016/j.jbusres.2021.09.062. Acesso em: 15 maio 2023.

MCLEESE, Don. Mayday music: response and renewal amid the pandemic lockdown. Rock Music Studies, [s. l.], v. 8. n. 1, p. 7-25, 2021. Disponível em: https://doi.org/10.1080/19401159.2020.1852774. Acesso em: 15 maio 2023.

MESSICK, Kyle. J. Music industry in crisis: the impact of a novel coronavirus on touring metal bands, promoters, and venues. In: BOZKURT, Veysel; DAWES, Glenn; GÜLERCE, Hakan; WESTENBROEK, Patricia. (ed.). The Societal Impacts of COVID-19: a transnational perspective. Istanbul: Istanbul University Press, 2021. p. 83-98. Disponível em: https://doi.org/10.26650/B/SS49.2021.006.07. Acesso em: 15 maio 2023.

NICHOLLS, David. Avant-garde and experimental music. In: NICHOLLS, David. (ed.). The Cambridge History of American Music. Cambridge: Cambridge University Press, 1998. p. 517-534.

NYMAN, Michael. Experimental Music: Cage and Beyond. London: Cambridge University Press, 1999.

QUIVY, Raymond; CAMPENHOUDT, Luc Van. Manual de investigação em Ciências Sociais. Lisboa: Gradiva, 2005.

RODRIGUES, Paulo Maria. [Entrevista concedida a] Helena Marinho. [S. l.], 17 dez. 2020. Via Zoom®.

RENDELL, J. Staying in, rocking out: online live music portal shows during the coronavirus pandemic. Convergence, [s. l.], v. 27, n. 4, p. 1092-1111, ago. 2021. Disponível em: https://doi.org/10.1177/1354856520976451. Acesso em: 15 maio 2023.

SAUNDERS, James. Introduction. In: SAUNDERS, James (ed.). The Ashgate Research Companion to Experimental Music. London: Routledge, 2016. p. 1-4.

SEMATI, Mehdi; BEHROOZI, Nima. Paradoxes of gender, technology, and the pandemic in the Iranian music industry. Popular Music and Society, [s. l.], v. 44, n. 1. p. 1-13, 2021. Disponível em: https://doi.org/10.1080/03007766.2020.1848015. Acesso em: 15 maio 2023.

VÁRADI, Judit. New possibilities in cultural consumption. The effect of the global pandemic on listening to music. Central European Journal of Educational Research, [s. l.], v. 3, n. 1, p. 1-15, abr. 2021. Disponível em: https://doi.org/10.37441/CEJER/2021/3/1/9345.Acesso em: 15 maio 2023.

WAHID, A. G. A. Marketing communication adaptation in music industry in Indonesia amidst the Covid19 pandemic: a case study of independent musicians. KOMUNIKA, [s. l.], v. 4, n. 2, dez. 2021. p. 137-149. Disponível em: https://doi.org/10.24042/komunika.v4i2.10256. Acesso em: 15 maio 2023.

Downloads

Publicado

2023-06-17

Como Citar

BITTENCOURT, Luís; MARINHO, Helena; BENETTI, Alfonso. Vivências de pandemia: desafios e estratégias de programação e disseminação no contexto da música experimental em Portugal (2020-2021). Orfeu, Florianópolis, v. 8, n. 2, p. e0201, 2023. DOI: 10.5965/2525530408022023e0201. Disponível em: https://periodicos.udesc.br/index.php/orfeu/article/view/22617. Acesso em: 29 nov. 2023.