Modelo de integração dos dispositivos móveis na Educação Primária. Criação de uma Aplicação para a sua utilização educativa no quinto ano

Autores

  • María Barroso Megías Investigadora-colaboradora do Grupo CIBERIMAGINARIO-UCLM
  • Felipe Gertrudix Barrio Universidade de Castilla-La Mancha

Resumo

A aparição do tablet digital supôs uma grande evolução na hora de levar a cabo certas práticas na aula. Estas oferecem-nos inúmeras particularidades funcionais como pode ser a portabilidade, a conexão, a capacidade ou a simplicidade de utilização, convertendo-se num recurso educativo atraente. Sob este olhar, a experiência inovadora que se apresenta teve por objetivos: a) integrar no quinto ano da educação primária, a utilização de dispositivos móveis (SmartPhone e Tablet), como recursos para trabalhar determinados conteúdos curriculares, e, b) conhecer quais são as verdadeiras utilizações que este tipo de estudantes fazem destes dispositivos. Para isso, criou-se uma App com certos conteúdos específicos que foram utilizados como extensão dos conteúdos curriculares. O método de investigação foi o desenho experimental pré-teste - pós-teste. Como resultado, comprovou-se que, os estudantes do quinto ano de educação primária, não utilizam os dispositivos móveis com um uso educativo; mas, valoriza-se muito positivamente que a sua utilização, dentro e fora da aula, produza uma melhoria das competências das TIC neste tipo de alunos.

Palavras-chave: Mobile learning [aprendizagem móvel], App [Aplicação], Caso de estudo.

Biografia do Autor

María Barroso Megías, Investigadora-colaboradora do Grupo CIBERIMAGINARIO-UCLM

Graduada em Ensino na Educação Primária

Felipe Gertrudix Barrio, Universidade de Castilla-La Mancha

Professor Contratado Doutor

Downloads

Publicado

2016-02-25

Como Citar

BARROSO MEGÍAS, M.; GERTRUDIX BARRIO, F. Modelo de integração dos dispositivos móveis na Educação Primária. Criação de uma Aplicação para a sua utilização educativa no quinto ano. Revista Linhas, Florianópolis, v. 17, n. 33, p. 111 - 134, 2016. Disponível em: https://periodicos.udesc.br/index.php/linhas/article/view/1984723817332016111. Acesso em: 29 jul. 2021.