Educação de mulheres em revista: currículo, gênero e consumo

Autores

  • Samilo Takara Universidade Estadual de Maringá
  • Teresa Kazuko Teruya Universidade Estadual de Maringá

DOI:

https://doi.org/10.5965/1984723815282014279

Resumo

Os meios de comunicação contribuíram para a alteração de valores, identidades e ideais almejados. Em maio de 2012, a revista TPM (Trip para Mulheres) propôs uma série de reportagens, colunas e entrevistas que discutem e questionem os estereótipos femininos disseminados pelas publicações femininas. Com o slogan “Se liberdade é ser a mulher que você quer ser, diz aí: você é livre?”, a publicação discute padrões e modelos de maternidade, moda, consumo, beleza, sexo, comportamento e outras caracterizações que fixam o ideal de feminino transmitido em diversas instituições sociais, culturais e políticas, entre elas, a escola e as mídias. Nossa questão norteadora é: de que modo são tratados os discursos inscritos na temática de moda e beleza que evidenciam o consumismo? Com base nas teorizações feministas e foucaultianas, analisamos as possibilidades de engendrar nos currículos as discussões acerca da igualdade de gênero e desacomodar os discursos de consumismo explorados pela mídia. Selecionamos três textos inscritos na proposta do manifesto publicado no site da TPM com o intuito de verificar a existência dos estereótipos que caracterizam a mulher. Analisamos as informações discutidas pelos entrevistados e colunistas que visualizam valores, ideias, modelos femininos e apontam os produtos relacionados ao ideal de beleza. Os discursos desse veículo de comunicação explicitam padrões e fornecem outras leituras e perspectivas sobre a relação beleza/consumo/felicidade, oportunizando olhares sobre o feminino e o masculino como históricas, sociais, culturais e políticas.

Biografia do Autor

Samilo Takara, Universidade Estadual de Maringá

Doutorando e mestre pelo Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Estadual de Maringá (PPE/UEM). Graduado em Comunicação Social - Jornalismo pela Universidade Estadual do Centro-Oeste/PR. Bolsista Capes/Fundação Araucária. Professor assistente colaborador do Departamento de Fundamentos da Educação (DFE/UEM)

Teresa Kazuko Teruya, Universidade Estadual de Maringá

Docente do Departamento de Teoria e Prática da Educação e do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Estadual de Maringá (DTP/PPE/UEM). Pós-Doutorado pela UnB. Doutorado em Educação pela Universidade Estadual Paulista Júlio Mesquita Filho.

Downloads

Publicado

2014-06-23

Como Citar

TAKARA, S.; TERUYA, T. K. Educação de mulheres em revista: currículo, gênero e consumo. Revista Linhas, Florianópolis, v. 15, n. 28, p. 279-301, 2014. DOI: 10.5965/1984723815282014279. Disponível em: https://periodicos.udesc.br/index.php/linhas/article/view/1984723815282014279. Acesso em: 29 jul. 2021.