Design e sociedade: uma reflexão sobre acessibilidade, interação e inclusão

Autores

  • Willian Amphilóquio Universidade da Região de Joinville
  • João Eduardo Chagas Sobral Universidade da Região de Joinville

DOI:

https://doi.org/10.5965/2316796307132018165

Resumo

Este artigo tem como propósito apresentar as características que tornam o design um campo significativo no tocante à inclusão social. Indivíduos com deficiências enfrentam diariamente problemas de locomoção, de percepção e de interação com o meio em que vivem. A partir de uma metodologia experimental, por meio da revisão de materiais bibliográficos, procurou-se evidenciar, portanto, técnicas e tecnologias pertinentes para o avanço da inclusão. Para tanto, foram abordados alguns fenômenos sociais, culturais, econômicos e políticos que influenciam consideravelmente o trabalho de um designer, a fim de explicitar os limites e enfrentamentos do campo.

Biografia do Autor

Willian Amphilóquio, Universidade da Região de Joinville

Graduado em Design com habilitação em Programação Visual pela Universidade da Região de Joinville - UNIVILLE. Mestrando em Design na mesma instituição. Tem experiência com mídia exterior, mídia digital, diagramação, branding, marketing, editoração gráfica, comunicação visual e processos de produção. Como pesquisador, atua no campo social, investigando aspectos comportamentais, culturais, estruturais, econômicos, políticos e tecnológicos da população. Desse modo, por meio de metodologias contemporâneas do design, como o design centrado no humano e o design thinking, busca encontrar oportunidades pertinentes para a promoção de uma sociedade colaborativa, conectada e inclusiva.

João Eduardo Chagas Sobral, Universidade da Região de Joinville

Doutor em Design e Sociedade pela PUC-Rio (2011). Mestre em Educação pela Fundação Universidade Regional de Blumenau (2002). Graduado em Comunicação Visual pela Universidade Federal de Pernambuco (1983). Chefiou do Departamento de Design da Univille – Universidade da Região de Joinville, Santa Catarina no período de 2002 a 2012. Atualmente é coordenador do Programa de Mestrado em Design na mesma instituição. Representa o estado de Santa Catarina como membro do Colegiado de Design do Conselho Nacional de Políticas Culturais (CNPC - Ministério da Cultura). É consultor - Ad hoc - da CAPES e do Conselho Estadual de Educação de Santa Catarina (CEE/ SC). Professor Titular da Universidade da Região de Joinville - UNIVILLE com experiência nas áreas de Design Industrial e Programação Visual, com ênfase na Educação e Imagem, atuando principalmente nos seguintes temas: Fotografia, Artes, Identidade Visual, Desenvolvimento de produto, Ergonomia e Usabilidade.

Downloads

Publicado

2018-05-16