Corpo, docência e masculinidades: das hetorotopias à estética da existência

Rogério Machado Rosa

Resumo


Utilizo excertos das narrativas de alguns dos professores, obtidas
por meio de entrevistas, para ilustrar e discutir o complexo imbricamento entre as relações afetivas da/na docência, masculinidade e artistagem de si. A relação pedagógica e suas
afecções é aqui apresentada como um espaço produtor de
heterotopias: forças criativas que incidem sobre a reconstrução
da corporeidade masculina e dos modos-de–ser-docente desses
sujeitos e neles instaura uma nova estética da existência.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5965/1414573102192012053

Direitos autorais 2018



 

 

 

Indexadores

  

       


Urdimento – Revista de Estudos em Artes Cênicas - Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC) - Centro de Artes (CEART) - Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas - (PPGT) – E-ISSN: 2358.6958 - Endereço: Universidade do Estado de Santa Catarina – UDESC, Centro de Artes - Av. Madre Benvenuta, 2007, Itacorubi. Florianópolis. SC, Brasil. CEP: 88.035-001 – E-mail: urdimento.ceart@udesc.br

Licença Creative Commons

  Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.