EFEITOS DA NOVA REGULAMENTAÇÃO DA PROFISSÃO DE ARQUITETO E URBANISTA

Louiza Hüntemann Garcia, Taís Ferreira de Oliveira, Francisco Pizzette Nunes

Resumo


Desde 1950 os arquitetos e urbanistas almejam um conselho próprio, mas somente no final de 2010 a classe conseguiu aprovar a Lei que cria e regulamenta o novo conselho. Com isso temos por objetivo identificar a hierarquia normativa entre a regulamentação das profissões de arquiteto e urbanista e engenheiro e seus pontos de conflito.

Texto completo:

PDF



Revista mantida pela Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC)
Campus Ibirama
® 2017 Direitos Reservados