Criando danças com crianças e professores(as) em formação

Neila Cristina Baldi

Resumo


O presente artigo discute proposições de dança com crianças, que foram pesquisadas tanto na educação básica quanto no ensino superior, com professores(as) em formação. Apresenta a proposta metodológica Espiral do/no Movimento/Conhecimento, que nasce de estudos individuais empíricos no início dos anos 1990, mas que foi desenvolvida no Doutorado em Artes Cênicas, em 2017, pela Universidade Federal da Bahia (UFBA). A metodologia tem como aportes teóricos-práticos a Educação Somática (a partir do Sistema Laban/Bartenieff e da Coordenação Motora) e o Construtivismo Pós-Piagetiano. A proposta se baseia na tríade de conteúdos: dança-expressividade-estrutura corporal, e em quatro eixos metodológicos: (re)conhecer, (re)significar, explorar e conceituar. Além disso, se propõe a discutir práticas pedagógicas nas infâncias, a partir da gestação de um espetáculo de dança com crianças, desenvolvido dentro do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (PIBID), com referência nas pesquisas de Manoel Sarmento (interatividade, ludicidade, fantasia do real e reiteração), e na metodologia discutida.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5965/2358092521212019027

URL da licença: https://creativecommons.org/licenses/by/4.0/

Indexadores, diretórios e bases de dados


      

Revista Nupeart - Universidade do Estado de Santa Catarina - UDESC - Centro de Artes - CEART

Endereço: Av. Madre Benvenuta, 1907 - Itacorubi - Florianópolis - SC - CEP: 88035-001

ISSN 2358-0925 


 
Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.