Relato da criação de arranjos para violão e voz a partir de matrizes Afro-brasileiras encontradas em Mário de Andrade

Jylson J. Martins Junior, Luiz Henrique Fiaminghi

Resumo


Este trabalho descreve uma pesquisa na área da Etnomusicologia, através da problematização da essência das músicas dos rituais religiosos afro-brasileiros por um viés fenomenológico. A metodologia dividiu-se entre as leituras dos textos, audições de registros fonográficos e, também, do estudo dos registros musicais das músicas dos rituais do candomblé, a partir das notações contidas em obras de Mário de Andrade. Posteriormente, houve a interpretação destas músicas, utilizando-se do violão e da voz como meios de releitura deste material. A resultante deste processo culminou com dois arranjos do canto de Oxalá e, os registros desta experiência, corroboraram no processo. Como conclusão, percebe-se que a aproximação de fazeres musicais se dá de muitas maneiras e, através do convívio social e musical, revelando-se também importantes elementos no processo de formação da identidade brasileira.


Palavras-chave


Mário de Andrade;música afro-brasileira; violão e voz

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5965/1808312906082011450



Direitos autorais 2011 Jylson J. Martins Junior, Luiz Henrique Fiaminghi

URL da licença: https://creativecommons.org/licenses/by/4.0/

Indexadores, diretórios e bases de dados

                   


Revista DAPesquisa - Universidade do Estado de Santa Catarina - UDESC - Centro de Artes - CEART

Endereço: Av. Madre Benvenuta, 1907 - Itacorubi - Florianópolis - SC - CEP: 88035-001

Email: dapesquisa@gmail.com       

ISSN 1808-3129

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 Software de verificação de originalidade e prevenção de plágio