Construção de sólidos geométricos com sabão de barra: uma proposta interdisciplinar entre Química e Matemática.

Lilyane Gonzaga Figueiredo, Admildo Costa de Freitas

Resumo


Este trabalho tem por objetivo mostrar a exploração de sólidos geométricos feitos de sabão em barra pelos alunos, através de uma atividade interdisciplinar entre as áreas de Química e Matemática, proporcionando um diálogo entre as áreas, relacionando-as para uma melhor compreensão da realidade. Possibilitar a interação entre disciplinas aparentemente distintas é uma proposta que possibilita a formulação de um saber crítico-reflexivo. A ideia de esculpir objetos tridimensionais pode ser mais bem explorada quando variamos o material utilizado. Um sabão em barra, por exemplo, por sua consistência, é adequado para a exploração das relações entre vértices, faces e arestas num poliedro qualquer, bem como o cálculo de áreas e volumes. Quando se compreende que a interdisciplinaridade é um instrumento para a aprendizagem eficaz, utilizando materiais do dia a dia dos alunos e, principalmente de fácil aquisição, percebe-se que o diálogo com outras formas de conhecimento corrobora para a compreensão mais efetiva dos conteúdos escolares de forma integrada. A integração dos conhecimentos passa a ser necessária para a prática pedagógica diferenciada ao mesmo tempo em que supera o distanciamento dos conteúdos com a realidade dos alunos permitindo a apropriação dos conhecimentos. 


Texto completo:

PDF

Referências


IEZZI, Gelson. Fundamentos de Matemática Elementar. Vol. 10. São Paulo: Atual, 1985.

BAIRD, Colin. Química Ambiental; trad. Maria Angeles Lobo Recio; Luiz Carlos Marques Carrera. 2 ed. Porto Alegre: Bookman, 2002.

MACEDO, Jorge Antônio Barros. Introdução a Química Ambiental: Química & Meio Ambiente & Sociedade. Ed. Jorge Macedo, 2006.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.