Desafio do ensino da leitura como prática social e facilitadora no processo de alfabetização

Nakita Ani Guckert Marquez, Robson de Souza Rosa, Dalva Maria Alves Godoy

Resumo


O presente trabalho pretende resgatar e discutir, das décadas de 1970 e 1980, a leitura como conteúdo necessário para o processo de alfabetização. Abordará o desafio de ensinar a leitura não como uma ação intermediária, que é posta como suporte para os conteúdos gramaticais, através de fragmentos dos textos, mas mostrando que ela exige tempo, ensino, disciplina pessoal e que, consequentemente, a leitura vai desenvolver, além das habilidades cognitivas (capacidade motora, memória, atenção, percepção), a escrita, o aumento de vocabulário, o aperfeiçoamento da comunicação com outros indivíduos, poderá aguçar o senso crítico e despertar a imaginação. A partir de referencial bibliográfico sobre a formação de leitores e o papel da leitura literária na constituição do cidadão, este trabalho se apoia nos estudos de pesquisadores tais como: José Morais, Magda Soares, Stanislas Dehaene e dos professores Clecio Bunzen e procurará evidenciar a importância da leitura para o processo de alfabetização e também relatar a privação de leitura significativa no ambiente educacional. 


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.