Danos da lagarta Helicoverpa armigera (Hübner, 1805) (Lepidoptera: Noctuidae) em plântulas de soja

Renato Anastácio Guazina, Paulo Eduardo Degrande, Ellen Patrícia Souza, Evandro Gauer

Resumo


A soja está sujeita ao ataque da lagarta Helicoverpa armigera durante todo seu ciclo. Quando na fase inicial, pode comprometer o estabelecimento da cultura no campo. Esse estudo teve por objetivo avaliar os danos da lagarta em plântulas de soja, para isso, utilizou-se o delineamento experimental em blocos casualizados com cinco repetições. Os tratamentos foram cinco níveis de infestação: 0, 7, 14, 21 e 28 lagartas m-2. A infestação ocorreu no estádio fenológico cotiledonar (VC) utilizando lagartas de quinto ínstar, e, durante três dias, foram avaliados os danos causados nas hastes, cotilédones e folhas unifolioladas. Já ao final do experimento avaliou-se a altura de plantas, a biomassa e o estande final. Houve danos nas três estruturas vegetativas avaliadas e, em geral, o aumento da população do inseto promoveu aumento no nível de danos, reduzindo o estande, a altura e a biomassa das plântulas de soja. Conclui-se que a lagarta H. armigera causa danos severos às plântulas de soja, o que pode afetar o estabelecimento inicial da cultura. 


Palavras-chave


estande, Glycine max, Heliothinae, Injúria.

Texto completo:

PDF

Referências


ÁVILA CJ et al. 2013. Ocorrência, aspectos biológicos, danos e estratégias de manejo de Helicoverpa armigera (Hübner) (Lepidoptera: Noctuidae) nos sistemas de produção agrícolas. Dourados: Embrapa Agropecuária Oeste. 12p. (Circular Técnica, 23).

BORTOLOTTO OC et al. 2014. Biological characteristics of Heliothis virescens fed with Bt-soybean MON 87701 x MON 89788 and its conventional isoline. Anais da Academia Brasileira de Ciências 86: 973-980.

CZEPAK C et al. 2013a. Primeiro registro de ocorrência de Helicoverpa armigera (Hübner) (Lepidoptera: Noctuidae) no Brasil. Pesquisa Agropecuária Tropical 43: 110-113.

CZEPAK C et al. 2013b. Praga da vez. Cultivar: grandes culturas. 167: 20-27.

FARIAS JRB et al. 2007. Ecofisiologia da soja. Londrina: Embrapa. 9p. (Circular Técnica, 48).

FENG H. et al. 2004. Northward migration of Helicoverpa armigera (Lepidoptera: Noctuidae) and other moths in early summer observed with radar in northern China. Journal of Economic Entomology 97: 1874-1883.

FORMENTINI AC et al. 2015. Lepidoptera (Insecta) associated with soybean in Argentina, Brazil, Chile and Uruguay. Ciência Rural 45: 2113-2120.

GALLO D et al. 2002. Entomologia Agrícola. Piracicaba: FEALQ. 920p.

HOSSEINI NM et al. 2001. Effects of plant population density on yield and yield components of eight isolines of cv. Clark (Glycine max L.). Journal of Agricultural Science and Technology 3: 131-139.

MOSCARDI F et al. 2012. Artrópodes que atacam as folhas da soja. In: HOFFMANN-CAMPO BC et al. Soja: manejo integrado de insetos e outros artrópodes-praga. Brasília: Embrapa. p.213-333.

PRATISSOLI D et al. 2015. Occurrence of Helicoverpa armigera (Lepidoptera: Noctuidae) on tomate in the Espírito Santo state. Horticultura Brasileira 33: 101-105.

ROGERS DJ & BRIER HB. 2010. Pest-damage relationships for Helicoverpa armigera (Hübner) (Lepidoptera: Noctuidae) on soybean (Glycine max) and dry bean (Phaseolus vulgaris) during pod-fill. Crop Protection 29: 47-57.

SARWAR M et al. 2009. Host plant resistance relationshiphs in chickpea (Cicer arietinum L.) against gram pod borer (Helicoverpa armigera Hubner). Pakistan Journal of Botany 41: 3047-3052.

SOSA-GÓMEZ DR et al. 2016. Timeline and geographical distribution of Helicoverpa armigera (Hübner) (Lepidoptera: Noctuidae: Heliothinae) in Brazil. Revista Brasileira de Entomologia 60: 101-104.

SUZANA CS et al. 2015. Desempenho de larvas de Helicoverpa armigera (Hübner) (Lepidoptera: Noctuidae) em diferentes fontes alimentares. Pesquisa Agropecuária Tropical 45: 480-485.

TANCREDI FD et al. 2006. Efeito da remoção do meristema apical no crescimento e desenvolvimento de plantas de soja em condições de casa de vegetação. Bioscience Journal 22: 53-60.

THOMAS AL & COSTA J A. 1993. Crescimento de plântulas de soja afetado pelo sombreamento dos cotilédones e suas reservas. Pesquisa Agropecuária Brasileira 28: 925-929.

TOURINO MCC et al. 2002. Espaçamento, densidade e uniformidade de semeadura na produtividade e características agronômicas da soja. Pesquisa Agropecuária Brasileira 37: 1071-1077.

VAZQUEZ GH et al. 2008. Redução na população de plantas sobre a produtividade e a qualidade fisiológica da semente de soja. Revista Brasileira de Sementes 30: 1-11.

VILELA M et al. 2014. Metodologia para criação e manutenção de Helicoverpa armigera em laboratório. Sete Lagoas: Embrapa Milho e Sorgo. 7p. (Circular Técnica, 203).




DOI: http://dx.doi.org/10.5965/223811711812019041

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


______________________________________________________________________________________________________________________________

Revista de Ciências Agroveterinárias (Rev. Ciênc. Agrovet.), Lages, SC, Brasil        ISSN 2238-1171