VARIABILIDADE E PROBABILIDADE DE OCORRÊNCIA DE TEMPERATURAS MÁXIMAS DECENDIAIS DO AR NO ESTADO DE SANTA CATARINA

Angelo Mendes Massignam, Cristina Pandolfo, Luiz Albano Hammes, Emanuela Salum Pereira

Resumo


O estudo da probabilidade de ocorrência da média das temperaturas máximas decendiais é importante para a determinação das melhores épocas de semeadura das culturas anuais, entre outras aplicações. Os objetivos deste estudo foram desenvolver equações para estimativas do desvio padrão das médias das temperaturas máximas decendiais (parâmetro da distribuição normal) e elaborar mapas com as probabilidades de ocorrência da média das temperaturas máximas decendiais para o Estado de Santa Catarina. As probabilidades de ocorrência da média das temperaturas máximas decendiais podem ser estimadas em função da altitude, da latitude e da longitude no Estado de Santa Catarina. O Estado apresenta diferenças significativas na probabilidade de ocorrência da média das temperaturas máximas decendiais.

Palavras-chave


Temperatura máxima, longitude, latitude, altitude, probabilidade, distribuição normal.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


______________________________________________________________________________________________________________________________

Revista de Ciências Agroveterinárias (Rev. Ciênc. Agrovet.), Lages, SC, Brasil        ISSN 2238-1171