DIVERSIDADE DE FUNGOS MICORRÍZICOS ARBUSCULARES NA CULTURA DO MILHO APÓS USO DE ESPÉCIES DE PLANTAS DE COBERTURA DE SOLO

Tatiana Benedetti, Zaida Inês Antoniolli, Ecila Maria Nunes Giracca, Ricardo Bemfica Steffen

Resumo


A diversidade de fungos micorrízicos arbusculares (FMAs) pode ter grande potencial para o favorecimento no crescimento vegetal e interação com outras comunidades fúngicas. O objetivo deste trabalho foi avaliar a influência de plantas de coberturas sobre FMAs durante e após o cultivo com milho. Foram coletadas amostras de solo no Experimento sobre Plantas de Cobertura, na área Experimental do Departamento de Solos-UFSM/RS. A partir dos resultados obtidos, constatou-se que o feijão de porco favoreceu a esporulação dos FMAs durante e após a cultura do milho, enquanto que para as demais espécies de plantas de cobertura do solo o aumento da população de esporos de FMAs ocorreu após o cultivo do milho. Os gêneros presentes foram Acaulospora, Glomus e Scutellospora. A maior diversidade de FMAs ocorreu nas áreas com pousio, Crotalaria juncea e mucuna cinza.

Palavras-chave


fungos micorrízicos arbusculares, diversidade, milho, plantas de cobertura do solo.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


______________________________________________________________________________________________________________________________

Revista de Ciências Agroveterinárias (Rev. Ciênc. Agrovet.), Lages, SC, Brasil        ISSN 2238-1171