Efeitos da aplicação de biossólido no crescimento inicial de Eucalyptus citriodora Hook

Matias Freier, Ubirajara Contro Malavasi, Marlene de Matos Malavasi

Resumo


Este estudo comparou efeitos de doses crescentes de biossólido no crescimento inicial de mudas de Eucalyptus citriodora Hook. O experimento foi implantado em vasos plásticos de 5L. Doses equivalentes a 0, 3, 6, 12, e 24 t ha-1 de biossólido foram aplicadas a superfície do solo ou incorporadas ao mesmo. As variáveis de crescimento foram estimadas aos 100 e 203 dias após transplante. O modo de aplicação do biossólido afetou diretamente o desenvolvimento inicial das mudas. As doses equivalentes a 24 e 12 t ha-1 resultaram em mudas de maior altura quando aplicadas sobre a superfície do solo do que quando incorporadas ao substrato. Não houve efeito estatístico das doses de biossólido no diâmetro do coleto das mudas nas duas épocas de mensuração. Mudas que receberam aplicação na superfície resultaram em coleto maior (4,39 mm) do que submetidas à incorporação (3,86 mm).

Palavras-chave


lodo de esgoto, eucalipto, modo de aplicação.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


______________________________________________________________________________________________________________________________

Revista de Ciências Agroveterinárias (Rev. Ciênc. Agrovet.), Lages, SC, Brasil        ISSN 2238-1171