Alteração em características químicas de um solo ácido pela aplicação de calcário e resíduos de reciclagem de papel

Alvadi Antonio Balbinot Junior, André Nunes Loula Tôrres, José Alfredo da Fonseca, João Ribeiro Teixeira, Cristiano Nunes Neves

Resumo


O processo de reciclagem de papel gera resíduos que são geralmente depositados em aterros. No entanto, esses resíduos apresentam constituintes que podem atuar como corretivos da acidez do solo e como fonte de nutrientes, principalmente o cálcio. Por outro lado, nesses resíduos também há presença de metais pesados, que podem causar impacto ambiental negativo. O objetivo desse trabalho foi avaliar o efeito de doses de calcário dolomítico e de dois tipos de resíduo de indústria que recicla papel sobre o pHágua; pHSMP; teores de P, K, M.O., Al, Ca, Mg, Al+H; CTC; saturação por bases e por Al; relação Ca/Mg; e teores de S, Zn, Cu, B, Mn, Fe, Hg, Pb, Ni, Cd e Cr. O calcário e os resíduos de reciclagem de papel corrigiram a acidez do solo, bem como alteraram significativamente outras características químicas. Os teores de K no solo foram reduzidos pela aplicação dos resíduos. A aplicação de resíduos de reciclagem de papel não aumentou os teores de metais pesados no solo.

Palavras-chave


correção do solo, metais pesados, ambiente, lodo ETE.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


______________________________________________________________________________________________________________________________

Revista de Ciências Agroveterinárias (Rev. Ciênc. Agrovet.), Lages, SC, Brasil        ISSN 2238-1171