Atividade alelopática de Nerium Oleander L. e Dieffenbachia picta schott em sementes de Lactuca Sativa L. e Bidens pilosa L.

Clairomar Emílio Flores Hoffmann, Luiz Augusto Salles das Neves, Cristiane Freitas Bastos, Gabriel da Luz Wallau

Resumo


Extratos aquosos de folhas verdes de Nerium oleander L. Dieffenbachia picta nas concentrações 0; 0,0625; 0,125 e 0,25 mg/mL foram preparados com o objetivo de determinar o potencial alelopático dessas espécies utilizadas como plantas ornamentais, sobre sementes de Lactuca sativa (planta-teste) e Bidens pilosa L. O experimento foi conduzido durante o mês de janeiro de 2007, no Laboratório de Genética da Universidade Federal de Santa Maria. Foram avaliados a primeira contagem da germinação (PCG), germinação (G), o índice de velocidade de germinação (IVG), os comprimentos das raízes e da parte aérea e a biomassa fresca (MF). Ambas as espécies mostraram tendência a reduzirem os parâmetros morfológicos analisados a partir da concentração de 0,125 mg/mL, sendo que as sementes de Bidens pilosa L. foram mais sensíveis que às de alface. O IVG foi a variável que mostrou maior redução com o aumento da concentração dos extratos. A MF das plântulas de alface e Bidens pilosa L. foram reduzidas a partir da concentração de 0,0625 mg/mL. Ambos extratos mostraram atividade potencialmente alelopática.

Palavras-chave


alelopatia, extratos aquosos, germinação, IVG, biomassa.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


______________________________________________________________________________________________________________________________

Revista de Ciências Agroveterinárias (Rev. Ciênc. Agrovet.), Lages, SC, Brasil        ISSN 2238-1171