Qualidade da água utilizada na ordenha de propriedades leiteiras do Meio Oeste Catarinense, Brasil

Jucimara Horstmann João, Carlos André da Veiga Lima Rosa, André Thaler Neto, Lídia Cristina Almeida Picinin, Jeferson José Fuck, Guilherme Marin

Resumo


O presente trabalho teve como objetivo avaliar a qualidade da água utilizada em propriedades leiteiras na Região do Meio Oeste Catarinense, considerando os atuais padrões legais de potabilidade da água. Para tal foi aplicado questionário estruturado aos produtores e realizadas coletas e análises químicas e microbiológicas de amostras de água em 76 propriedades leiteiras, sendo realizadas análises de dureza, pH e contagem padrão em placa de bactérias heterotróficas (CPP). Os resultados da aplicação dos questionários foram analisados através do teste de χ2 e para avaliar a influência dos dados obtidos a partir da aplicação dos questionários sobre a qualidade da água os dados foram submetidos à análise de variância. Toda a água era captada a partir de fontes protegidas, fonte Caxambu, poço artesiano ou fonte desprotegida. A CPP média foi 3,2±0,83log10 UFC mL-1. Somente 5% das propriedades não apresentaram coliformes totais nas amostras analisadas, e 24% apresentaram contaminação por coliformes fecais. A CPP não está relacionada ao tipo de fonte existente na propriedade ou local de captação, sendo que propriedades com caixa d'água apresentaram água com melhor qualidade microbiológica. O pH e dureza da água encontraramse dentro dos limites legais, não apresentando relação (P>0,05) com a CPP da água. A água utilizada nas propriedades leiteiras da região do Meio Oeste Catarinense apresenta contaminação por coliformes, caracterizando a necessidade da implementação de ações para a melhoria da sua qualidade ou da adoção de tratamentos adicionais visando adequá-la aos padrões legais vigentes.

Palavras-chave


Coliformes; Contagem padrão em placa; Dureza; pH.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


______________________________________________________________________________________________________________________________

Revista de Ciências Agroveterinárias (Rev. Ciênc. Agrovet.), Lages, SC, Brasil        ISSN 2238-1171