Germinação de sementes de maracujá-amarelo em extrato aquoso de tiririca e ácido giberélico

Fabíola Villa, Daiane Luckmann Balbinotti França, Angela Laufer Rech, Claudia Andrade Moura, Felipe Fuchs

Resumo


Alelopatia se refere à capacidade que determinada planta possui de interferir no metabolismo de outra, por meio de compostos químicos liberados no meio. A tiririca é um exemplo típico deste tipo de planta, possuindo elevada concentração de ácido indolbutírico, podendo agir na germinação e enraizamento de outras plantas. Diante do exposto, objetivou-se com o presente trabalho avaliar o efeito de extratos de bulbos e folhas de tiririca e ácido giberélico na germinação de sementes de maracujá-amarelo. Para a obtenção dos extratos aquosos de tiririca utilizaram-se bulbos e folhas na concentração de 1 g 10 mL-1 (p/v) (1 g de matéria vegetal para 10 mL de água destilada), constituindo as soluções estoque. Foram utilizados extratos diluídos em cinco concentrações (20, 40, 60, 80 e 100%) e cinco concentrações de ácido giberélico (200, 400, 600, 800 e 1000 mg L-1 GA3). Como tratamento controle utilizou-se água destilada. O delineamento experimental foi inteiramente casualizado, apresentando 16 tratamentos, contendo cinco repetições, totalizando 80 unidades amostrais, contendo cada unidade dez sementes. Diariamente realizaram-se contagens do número de sementes germinadas para posterior cálculo de percentagem de germinação e Índice de Velocidade de Germinação. Sementes de maracujá-amarelo submetidas às concentrações de ácido giberélico tiveram sua germinação inibida, não sendo recomendado na germinação da espécie. Concentrações de extrato aquoso de folhas e bulbos de tiririca não influenciaram a germinação de sementes de maracujá-amarelo.

Palavras-chave


Passiflora edulis f. flavicarpa, Cyperus rotundus, extrato vegetal, alelopatia.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5965/223811711512016003

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


______________________________________________________________________________________________________________________________

Revista de Ciências Agroveterinárias (Rev. Ciênc. Agrovet.), Lages, SC, Brasil        ISSN 2238-1171