Valor nutricional de cultivares de azevém consorciados ou não com aveia sob dois resíduos de pastejo

Renato Marchesan, Wagner Paris, Roniclei Tonion, Clederson Martinello, Marcos Luis Molinete, Fabiana Luiza Matielo Paula, Rose Rocha

Resumo


O objetivo deste estudo foi avaliar o valor nutricional de dois cultivares de azevém (Lolium multiflorum Lam.) cv. Barjumbo e cv. comum, consorciados ou não com aveia preta (Avena strigosa Schreb) cv. IAPAR 61 submetidos a dois resíduos de forragem pós-pastejo. O trabalho foi realizado na Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Câmpus Dois Vizinhos, no período de abril a setembro de 2012. Os tratamentos foram constituídos de um bifatorial 4x2, totalizando oito tratamentos com três repetições, sendo avaliados os azevéns comum e Barjumbo solteiros ou consorciados com aveia preta em duas alturas de resíduo pós-pastejo: Alto: 50% da altura de entrada; Baixo: 30% da altura de entrada. As variáveis avaliadas foram proteína bruta (PB), fibra em detergente neutro (FDN), fibra em detergente ácido (FDA), nutrientes digestíveis totais (NDT) e digestibilidade in vitro da matéria seca (DIVMS). O Barjumbo solteiro apresentou maior PB. Os teores de FDN e FDA foram menores para o cultivar Barjumbo solteiro ou consorciado em relação ao cultivar comum e, como consequência, a DIVMS e NDT foram superiores. Dentro do período experimental, a pastagem apresentou ligeira elevação nos teores de PB, NDT e DIVMS até por volta de 100 dias após a emergência. Já os valores de FDN e FDA demonstraram uma elevação linear desde o início até o final do período de avaliações.

Palavras-chave


Barjumbo; Digestibilidade; Fibra; Proteína.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5965/223811711432015254

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


______________________________________________________________________________________________________________________________

Revista de Ciências Agroveterinárias (Rev. Ciênc. Agrovet.), Lages, SC, Brasil        ISSN 2238-1171